Se chegar já é um desafio sem precedentes, imagine viver em Marte. É comum haver tempestades de pó que envolvem o planeta todo e têm meses de duração. Uma poeira finíssima, que ninguém sabe qual efeito teria caso percorresse pulmões humanos.

Se a cor faz o planeta parecer quente, não se deixe enganar. É bem gelado por lá. Cerca de 79 milhões de quilômetros mais distante do Sol do que a Terra, recebe muito menos luz e calor. Aqui, os raios solares ficam retidos na atmosfera, que age como um cobertor para manter a Terra aquecida. A atmosfera de Marte é cem vezes mais fina do que a nossa, então o calor do sol escapa facilmente. O quão facilmente? Se você estivesse parado, de pé, na linha do Equador de Marte, ao meio-dia, sentiria o verão nos pés (24ºC) e o inverno na cabeça (0ºC).

TEMPERATURA

média

máxima

mínima

média

Também não se sabe ainda se um dia será possível gerar comida e oxigênio. E a expectativa de vida seria, em média, de 35 anos – isso porque um ano (na Terra) equivale a 687 dias em Marte. Até onde se sabe, o planeta vermelho tem um continente só. Se um dia for possível habitá-lo, a população seria mais homogênea em relação à raça e à cultura, e todos falariam a mesma língua. Será que vale a pena?

TEMPO

Estão em estudo os trajes espaciais que, embora igualmente volumosos, terão de ser mais leves e flexíveis que os utilizados na missão Apollo. Engenheiros estudam fabricar um macacão que permita ao astronauta movimentar o abdômen e girar os ombros e os braços, a partir de extensões maleáveis. Assim, ele irá poder agachar, tocar o chão e exercer outras atividades com mais flexibilidade.

 

Roupas novas

Por que ainda não fomos?

A missão ainda não têm capacidade de levar combustível o bastante para as viagens de ida e de volta. Seria preciso produzir combustível lá para retornar.

Não se sabe como pousar em Marte carregando o peso necessário para a missão.

Ninguém sabe se a tripulação aguentaria o tempo previsto para a viagem, que seria de três anos (ida e volta).

Não se tem ideia de como tornar o planeta habitável, como fazer para plantar e produzir coisas.

Evidências mostram que já houve condições de vida lá. Por isso, há uma pequena chance de que algo infecte os astronautas ou, pior, coloque em risco toda a população da Terra quando retornarem.

O ambiente árido criou grãos ultrafinos que formam grandes tempestades de pó. Ainda não se sabe se é tóxico ao homem ou não.

E, claro, os problemas políticos. Quem paga? Quem leva a glória?