MPB

Após ter sido censurada há 41 anos, faixa inédita de Gilberto Gil é divulgada por compositor

"Rato miúdo" teve sua circulação proibida porque reproduzia os dizeres de um certificado de reservista

19/10/2016 - 11h52min
Após ter sido censurada há 41 anos, faixa inédita de Gilberto Gil é divulgada por compositor Gilberto Gil - Refazenda/Reprodução
"Rato miúdo" integraria o disco "Refazenda", de 1975 Foto: Gilberto Gil - Refazenda / Reprodução

O cineasta baiano Jorge Alfredo Guimarães divulgou no YouTube a música Rato miúdo, uma composição de sua autoria interpretada por Gilberto Gil.

Prevista para integrar o disco Refazenda, de 1975, a faixa foi censurada. Em texto publicado no site Caderno de Cinema, Jorge explicou que Rato miúdo teve sua circulação proibida porque reproduzia os dizeres de seu certificado de reservista: "Por ter sido julgado incapaz, definitivamente, podendo exercer atividades civis".

Leia mais
Gilberto Gil compõe música inspirada em tratamento médico
Gilberto Gil compõe música para a bisneta e emociona a família
Gil recebe alta após uma semana internado em São Paulo

Ouça a música:

"A gravação de Gil é muito bonita, mas, infelizmente, foi proibida pela censura. Se a gravação de 'Rato miúdo' tivesse sido incluída em 1975 no LP Refazenda provavelmente seria considerado o primeiro reggae brasileiro. Gilberto Gil na voz e no violão Ovasion, Dominguinhos no acordeão, Moacir Albuquerque no baixo, e Chiquinho Azevedo na bateria. Swingue puro", escreveu o cineasta.

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.