MPB

Roberta Campos faz show no Opinião neste sábado

Cantora mineira mostra sucessos como "De Janeiro a Janeiro", que gravou com Nando Reis

Por: José Augusto Barros
21/07/2017 - 15h46min | Atualizada em 21/07/2017 - 17h49min
Roberta Campos faz show no Opinião neste sábado Patrícia Ribeiro/Divulgação
Roberta lançou em 2015 o seu quarto disco, "Todo Caminho É Sorte" Foto: Patrícia Ribeiro / Divulgação  

Uma das boas surpresas da MPB nos últimos anos, Roberta Campos faz o primeiro show de sua carreira em Porto Alegre, neste sábado, no Bar Opinião. Roberta, que já vinha chamando atenção de críticos e do público por canções como Minha Felicidade, um dos temas da novela Sol Nascente (2016), caiu definitivamente nas graças dos ouvintes depois da parceria com Nando Reis. Juntos, eles gravaram a faixa De Janeiroa Janeiro, cujo clipe já ultrapassou 43 milhões de visualizações no YouTube.

Sabendo que o parceiro tem um séquito de fãs em Porto Alegre, Roberta também espera conquistar a admiração dos gaúchos.

Leia também
Milton Nascimento faz show em Porto Alegre nesta sexta-feira
Julieta Venegas volta a Porto Alegre com nova formação neste domingo

– É a minha primeira vez na cidade, mas espero que seja das melhores. E fico feliz de tocar em um dos templos da música aí do Rio Grande do Sul – comenta a cantora mineira, 39 anos, de jeito tímido e voz mansa, em entrevista por telefone.

Na sequência, derrete-se em elogios para Nando Reis:

– Ele é muito importante para mim, tenho o Nando como um padrinho. Quando gravei o disco, tive a vontade de chamá-lo. O mais interessante é que ele não me conhecia, ouviu a música e me deu esse presente. Foi bem especial, até porque sempre o tive como meu titã preferido.

Álbum foi indicado ao Grammy Latino

Roberta, que se define como uma compositora compulsiva – segundo suas próprias contas, tem um baú com cerca de 400 canções inéditas – apresenta no show um passeio de seus discos, desde o mais recente, Todo Caminho é Sorte (2015), aos anteriores Maior que o Mundo (2014), Diário de Um Dia (2012) e Para Aquelas Perguntas Tortas (2008).

Para os fãs de canções que versam sobre amor e mensagens positivas, sem o drama de alguns cantores românticos, porém, ela traz faixas desse imenso repertório, como Sete Dias, Felicidade e Diário de Um Dia, além de uma ousada versão de Lego House, do britânico Ed Sheeran, que virou Maior que o Mundo e Abrigo, parceria de Roberta com sua conterrânea Fernanda Takai, vocalista da banda Pato Fu.

Por conta da indicação que o disco Todo Caminho é Sorte teve ao Grammy Latino, em 2016, Roberta entrou na lista de elogiadas cantoras da nova safra da MPB, ao lado de nomes como Céu e Roberta Sá. E a referência, ela comenta, lhe agrada:

– Tem muita mulher boa na música brasileira, né? Fico feliz de estar nesse time. E acho que me encaixo, sim. Gosto disso. Temos boas mensagens a passar. E, apesar de eu já estar há algum tempo na música, cheguei com essa galera mais nova.

ROBERTA CAMPOS
Sábado, a partir das 20h30min.
Classificação: 14 anos.
Bar Opinião (Rua José do Patrocínio, 834)
Ingressos: R$ 45 (com a doação de um quilo de alimento não perecível) e R$ 80, à venda nas lojas Youcom Bourbon Wallig, Shopping Praia de Belas, Bourbon Ipiranga, BarraShoppingSul, Shopping Total e Bourbon Novo Hamburgo, nas lojas Multisom da Rua dos Andradas, 1.001 e do Bourbon São Leopoldo e no blueticket.com.br/grupo/opiniao.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.