Cirque du Soleil começa temporada de Quidam em Porto Alegre nesta sexta-feira

Trupe canadense não tem previsão para deixar a Capital

Por: Gustavo Brigatti
23/04/2010 - 04h04min
Cirque du Soleil começa temporada de Quidam em Porto Alegre nesta sexta-feira Júlio Cordeiro/
Espetáculo foi apresentado em São Paulo e chega hoje ao Estado Foto: Júlio Cordeiro  

Após duas semanas de preparação e montagem, o Cirque du Soleil finalmente abre sua tenda para o grande público. A partir deste fim de semana, a trupe canadense mais internacional possível apresenta em Porto Alegre o espetáculo Quidam, finalizando sua turnê pelo Brasil.

Como em Alegria, show que trouxe o Cirque pela primeira vez à Capital, Quidam é composto por números de acrobacias e malabarismo que desafiam os limites do corpo e emocionam. Juntos, eles ajudam a contar a história de uma garotinha convidada a conhecer um mundo cheio de estranhas criaturas – o mundo de Quidam.



O fotógrafo Julio Cordeiro foi a São Paulo registrar Quidam. Veja o que ele disse sobre sobre o espetáculo e as fotos:





Nessa aventura, contada por meio de peças dramáticas entre as apresentações circenses, a pequena Zoé é guiada por personagens que estão sempre presentes, de uma forma ou de outra. Entre eles, o mestre de cerimônias John, sujeito travesso e de caráter duvidoso, o performático e cândido The Target, e o palhaço sem nome, que interage com o público escolhendo um desavisado para subir ao picadeiro.

Atração à parte, os efeitos especiais, com fogos, jogos de luz e som, além de encenações feitas acima do solo com o auxílio de cabos, hipnotizam o público, fazendo de atrações normalmente simples verdadeiros shows visuais.

O espetáculo é proporcionado por um grupo seleto de atletas vindos de todo o mundo. Alguns trazem características de seus países, conferindo um selo extra de qualidade à Quidam.

O número de malabarismo com os diabolos, espécie de iô-iô chinês, por exemplo, não poderia ser feito por outro grupo que não um quarteto de garotas chinesas. Ou a sessão de acrobacias aéreas, interpretada magistralmente por um time importado da Rússia, tradicional celeiro de ginastas olímpicos. O palhaço, um das esquetes mais aplaudidas, não poderia ser de outro lugar que não o Brasil.

Quidam estreia hoje para o público da Capital, sem data para levantar acampamento.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.