Mulher em foco

Mostra no CineBancários, com entrada franca, exibe filmes sobre universo feminino

Exibição e conversa com diretora de "Bruta Aventura em Versos" marca início da mostra nesta terça

20/03/2012 - 06h10min
Mostra no CineBancários, com entrada franca, exibe filmes sobre universo feminino matizar filmes/Divulgação
Documentário "Bruta Aventura em Versos" destaca obra da escritora Ana Cristina Cesar Foto: matizar filmes / Divulgação  

O lançamento do documentário Bruta Aventura em Versos, que tem como personagem a poeta carioca Ana Cristina Cesar (1952 — 1983), marca o início da Mostra No Feminino — As Mulheres no Cinema Contemporâneo, em cartaz a partir desta terça-feira no CineBancários, com entrada franca.

Após esta sessão única na Capital, às 19h, será realizado um debate com a presença da diretora Letícia Simões e da psicanalista Liliane Froemming.

A mostra exibirá oito longas-metragens, em ficção e documentário, de diferentes países e épocas que têm a questão feminina como foco. Ainda inédito no circuito comercial, Bruta Aventura em Versos destaca a obra de Ana Cristina Cesar, autora visceral associada à poesia marginal dos anos 1970 e dona de um patrimônio referencial também na áreas de tradução e pesquisa — ela se suicidou em 1983, aos 31 anos.

A partir de amanhã, a programação, em três horários (acompanhe diariamente no roteiro de cinema), exibe outro recente documentário nacional: Quebradeiras (2011), de Evaldo Mocarzel, registro da rotina de mulheres trabalhadoras no norte do Brasil.

Entre as ficções, se impõe um dos mais elogiados títulos de Agnès Varda, expoente da nouvelle vague e grande nome do cinema autoral contemporâneo: Sem Teto nem Lei (França, 1985). Neste drama, conta a história de uma andarilha (Sandrine Bonnaire) por meio dos relatos das pessoas que cruzaram seu caminho. A propósito de Agnès, alguns de seus elogiados curtas integram uma sessão especial ao ar livre, nesta terça-feira, no Centro.

Varda no viaduto

Prevista inicialmente para ser realizada na terça-feira passada, mas transferida para esta em função do mau tempo, a exibição dos curtas-metragens de Agnès Varda está confirmada para as 19h, no Viaduto Otávio Rocha, no centro da Capital. A atividade integra a programação do 8º Festival de Verão do RS de Cinema Internacional, encerrado na última quinta-feira após sessões em diversas cidades Estado.

Até as 23h30min, na escadaria do viaduto (Duque de Caxias sobre Borges de Medeiros), onde às terças-feiras funciona o bar Tutti Giorni, serão projetados sete filmes da cineasta francesa considerada a dama da nouvelle vague. Entre eles, A Ópera-Mouffe, que ela lançou em 1958, antes do estopim do movimento de renovação do cinema daquele país capitaneado por Jean-Luc Godard e François Truffaut, entre outros.

Também serão exibidos Os Amantes da Ponte Mac Donald, O Leão Volátil, Elsa, a Rosa, As Tais Cariátides, Você Tem Belas Escadarias, Sabia? e 7 Peças., Coz., Banh... Imperdível.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.