Para toda a família

"Piratas Pirados!" estreia nesta sexta, na Capital, apenas em cópias dubladas

Animação quadro a quadro diverte tanto crianças quanto adultos

10/05/2012 | 18h08
"Piratas Pirados!" estreia nesta sexta, na Capital, apenas em cópias dubladas Sony Pictures/Divulgação
Foto: Sony Pictures / Divulgação

Mais de uma década depois de codirigir A Fuga das Galinhas (2000), o inglês Peter Lord volta a meter a mão na massinha com Piratas Pirados! (2012). A divertida animação em stop motion coloca a tripulação de um navio de corsários em contato com figuras históricas como Charles Darwin.

O filme estreia nesta sexta em cópias em 3D e convencionais, apenas em versões dubladas.

O projeto é uma superprodução do gênero: Piratas Pirados! custou US$ 60 milhões e levou mais de três anos para ser filmado foto a foto. O resultado da animação manual de personagens moldados em materiais como plastilina, argila e silicone repete a tradicional excelência artesanal da Aardman Animations – produtora inglesa do diretor Peter Lord, responsável por longas como A Fuga das Galinhas e pela série de curtas Wallace & Gromit e que já ganhou quatro Oscar.

Baseado em uma coleção de livros do romancista britânico Gideon Defoe, Piratas Pirados! acompanha a tentativa do atrapalhado Capitão Pirata (voz de Hugh Grant na versão em inglês) de sair da maré de azar e derrotar os rivais Black Bellamy e Cutlass Liz na disputa pelo troféu de Pirata do Ano.

O bucaneiro, porém, não consegue impressionar com suas duvidosas habilidades e seus parcos tesouros, tendo de partir com seu barco em busca de novos saques em alto-mar. A sorte do Capitão começa a mudar quando ele e seus homens atacam o célebre navio Beagle e deparam com o então jovem cientista Charles Darwin – o qual revela que Polly, o papagaio de estimação do comandante, é, na verdade, um dodô, pássaro considerado extinto em meados do século 19.

Acompanhada do explorador, a tripulação navega até Londres a fim de apresentar a ave rara à sociedade científica – o Capitão espera lucrar com a descoberta e, assim, retornar a Blood Island em condições de brigar pelo prêmio. Mas os mercenários dos mares terão antes que enfrentar as artimanhas de Darwin e seu fiel macaco e o ódio por piratas da enfezada Rainha Vitória. Na versão original, o filme conta ainda com as vozes dos atores Jeremy Piven, Salma Hayek, David Tennant e Imelda Staunton.

Além dos caprichados detalhes dos cenários e dos personagens, Piratas Pirados! destaca-se pela graça do roteiro e pelas piadas com referências culturais e históricas, que divertem tanto os pequenos quanto os grandes da plateia – como o espanto do Capitão diante da semelhança do pai da Teoria da Evolução com o esperto Bobo, símio que se comunica por meio de palavras escritas em cartelas: "Vocês são tão parecidos. Ele é seu parente?".

Críticos por um dia

O Clubinho selecionou, em uma promoção, três crianças para assistir a Piratas Pirados! em sessão fechada para a imprensa. Coube a cada um escrever sua opinião sobre o filme. Confira a avaliação dos críticos mirins:

"Assisti ao filme 'Piratas Pirados!' e gostei muito. Capitão Pirata tinha um pássaro dodô chamado Poli. Ele também queria ganhar o concurso do Pirata do Ano e começou a roubar navios para ganhar ouro. Em um dos navios, havia o Charles Darwin. Ele gostou muito daquele pássaro. E aí começou toda a confusão."

Caetano Farias de Oliveira, oito anos

"O filme é muito engraçado. E me incentivou a continuar brincando de pirata. A tripulação foi uma piada muito divertida e, ao mesmo tempo, mostrou amizade e união. O filme conta com a participação do famoso cientista britânico Charles Darwin, que levou a história para uma mistura de ciência e diversão."

Pedro Tres Magalhães, oito anos

"'Piratas Pirados!' é rico em detalhes: nos personagens, nas roupas, nos cenários e nos efeitos especiais. Por isso, vale a pena assistir em 3D. É tão divertido que se pode rir das partes mais tristes, como quando a Rainha está sendo aguardada para ser jantada! Os personagens são de massinha de modelar, é muito legal."

Lucas Haddad Carraro, nove anos

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.