Feira além da Feira

Evento promoveu partida de futebol entre poetas e prosadores

Intitulado de Futebol Fim de Várzea, o confronto reuniu escritores da Capital

Por: Carlos André Moreira
15/11/2013 - 20h41min
Evento promoveu partida de futebol entre poetas e prosadores Aline Santos Barbosa/zero hora
Equipe dos poetas mostou determinação e venceu o jogo Foto: Aline Santos Barbosa / zero hora  

O nome do jogo comemorativo entre poetas e prosadores para marcar o encerramento da Feira além da Feira, evento que vem sendo realizado fora da Praça da Alfândega e em livrarias tradicionais da cidade, era autoexplicativo: Futebol Fim de Várzea, reunindo talentos da escrita, e não necessariamente da bola. O verdadeiro dilúvio que desabou exatamente na hora do jogo não ajudou muito as performances dos atletas das letras, deixando tudo com mais cara ainda de Gauchão em campo alagado.

No time dos poetas, destaque foi para Ricardo Silvestrin totalmente paramentado com uma camiseta do Flamengo, e Ricardo Kroeff, que jogou com um vestido da própria mãe - para representar as mulheres em campo. Diego Grando foi um dos destaques da equipe, com um futebol que foi definido ao fim da partida como "aplicado, consistente e pragmático". Goleiro da equipe dos poetas, Eduardo Cabeda foi a baixa da equipe, lesionado em campo, e é dúvida para o próximo confronto, que deve acontecer, de acordo com todos os presentes, no intervalo entre algumas semanas e uns 10 anos. No lado dos prosadores, Reginaldo Pujol FIlho foi um dos mais ativos em campo - revelação da partida, nas palavras de Altair Martins, um dos mentores da brincadeira. O jogo terminou em 6 x 4 a para os poetas - mostrando que a turma do verso, com sua filosofia de contemplação do que há de bom na vida, estava melhor preparada para os 60 minutos de correria na quadra da Cristiano Fischer.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.