Que comece a maratona

50 filmes a que você tem que assistir na Netflix

Serviço de streaming é um dos mais populares do mundo

23/07/2014 - 09h01min | Atualizada em 02/01/2017 - 20h57min
50 filmes a que você tem que assistir na Netflix Fox/Divulgação
Natalie Portman em "Cisne negro" Foto: Fox / Divulgação  

A lista dos 50 filmes que você tem que assistir na Netflix foi atualizada no dia 2 de janeiro de 2017. 

É conhecida uma piada que diz que o assinante da Netflix passa mais tempo escolhendo o filme a que vai assistir do que, de fato, o assistindo. Isso porque o catálogo do serviço de streaming é gigante e a organização dos títulos no site ou nos aplicativos não é das melhores.

Leia mais:
Saiba como economizar em Netflix, Spotify, Net Now e outros serviços de streaming
50 séries que você tem que assistir na Netflix e em outros serviços de streaming
Conheça 21 clássicos da cultura pop no século 21

Para ajudar, ZH aproveita que a Netflix atingiu a marca de 50 milhões de assinantes no segundo trimestre de 2014 e lista meia centena de filmes imperdíveis que você pode garimpar da imensa lista do serviço.

1. 12 anos de escravidão

Baseado nas memórias escritas de Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor), drama conta a história de um violinista negro sequestrado em 1841 e forçado por um senhor de escravos (Michael Fassbender) a trabalhar em suas terras, sendo libertado por um advogado (Brad Pitt) apenas 12 anos depois. Dirigido por Steve McQueen (de Fome e Shame), o filme ganhou os Oscar de melhor filme, melhor roteiro adaptado e melhor atriz coadjuvante (Lupita Nyong'o).



2. Elysium

Hoje estrela do seriado Narcos, onde vive o traficante colombiano Pablo Escobar, o brasileiro Wagner Moura começou a se destacar no Exterior vivendo um papel nesta trama distópica localizada em 2159. A Terra devastada ficou restrita aos párias. A elite agora vive em uma paradisíaca estação espacial, que será alvo de uma rebelião promovida por um homem que deseja ali chegar para salvar a vida de sua mulher.

 

3. Cisne negro

Drama que rendeu a Natalie Portman o Oscar de melhor atriz, neste filme de Darren Aronofsky ela vive uma bailarina que tem um surto psicótico diante do desafio de ser a solista da companhia na encenação de O lago dos cisnes.

4. Sing Street – Música e sonho

Reverenciando a estética e a música pop dos anos 1980, Sing Street - Música e sonho pode ser visto como um Stranger Things musical. Dirigido por John Carney, também responsável por Mesmo se nada der certo (2013) e Apenas uma vez (2006), o drama irlandês se passa em Dublin. Na trama, o adolescente Conor (Ferdia Walsh-Peelo) se apaixona pela misteriosa Raphina (Lucy Boynton), uma jovem aspirante a modelo. Para conquistá-la, ele monta uma banda para convidá-la a participar de um clipe.



5. O Menino do Pijama Listrado


Esse filme de 2008 adapta para o cinema a emocionante história contada no livro homônimo de 2007, de um menino que se muda de Berlim para a Polônia durante o nazismo e acaba fazendo amizade com um menino polonês.

6. O lobo de Wall Street

Quinto filme da parceria entre Martin Scorsese e Leonardo DiCaprio, longa é uma adaptação da autobiografia de Jordan Belfort – corretor da bolsa de Nova York que se envolveu em caso de fraude nos anos 1990. Apresentando a ascensão e queda de Belfort, o longa mostra o lado cômico dos crimes do colarinho branco, além das insanidades decorrentes da ostentação – como festa arremessando anões nos escritório e muitas drogas.

Em 10 anos, preço do cinema mais que dobrou em Porto Alegre

7. Forrest Gump – O contador de histórias

Vencedor de 6 Oscar em 1995, incluindo melhor filme e melhor ator (para Tom Hanks), este longa acompanha quarenta anos da história dos Estados Unidos vistos pelos olhos de um homem que relembra as histórias de sua vida – por acaso, ele participa de momentos marcantes, como a Guerra do Vietnã

8. Fundamentals of caring

Paul Rudd protagoniza este filme queridíssimo, original para a Netflix. The fundamentals of caring conta a história de um homem deprimido que procura em uma nova profissão – cuidador de pessoas com dificuldades - uma espécie de redenção para seus problemas pessoais. Nisso, ele conhece um garoto divertidíssimo (e muito peculiar), seu primeiro cliente. Depois de criarem um vínculo de amizade, os dois partem em uma viagem pelos Estados Unidos, onde conhecem grandes personagens.



9. A lista de Schindler

Obra de Steven Spielberg sobre o nazismo, para quando a ideia é curtir aquele filme histórico pesado. São mais de três horas em preto e branco falando sobre os absurdos da Segunda Guerra Mundial.

10. Os Homens que Não Amavam as Mulheres



Tanto a versão sueca quanto a norte-americana estão disponíveis. Ambas são excelentes adaptações do primeiro livro da premiada trilogia policial escrita pelo jornalista Stieg Larsson. Na dúvida, assista as duas e tire suas próprias conclusões.

11. Um drink no inferno

Se ainda não viu, prepare-se: loucura total. Mas veja. Vale a pena. Robert Rodriguez no seu melhor. Além do primeiro filme da trilogia, também está disponível a série baseada no longa.

12. O leitor

Drama que rendeu um Oscar de melhor atriz à Kate Winslet. No filme ela interpreta uma mulher que é ré em um tribunal que julga crimes da II Guerra Mundial, onde reencontra um  estudante de direito (David Kross) com quem teve um romancado quando ele era adolescente.

13. O despertar de uma paixão

O filme de 2006 que mostra um casal formado por um pesquisador e sua mulher, que não recebe muita atenção. Rejeitada, ela sai em busca de suas realizações.

14. What happened, Miss Simone?



Documentário original da Netflix que apresenta a vida da pianista, ativista e cantora Nina Simone. A história do ícone do black power é contada por meio de imagens dos shows, diários, cartas e entrevistas de colegas e da sua única filha, Lisa.

Filmes narram vidas turbulentas de duas das maiores cantoras do jazz

15. Janis: Little girl blue

Documentário combina uma fartura de material garimpado em arquivos pessoais e depoimentos atuais de amigos, familiares e músicos, que iluminam a vida, a obra e o legado de Janis Joplin – lenda do rock morta por overdose de heroína em 1970, aos 27 anos. Leia a crítica sobre o filme.

16. Psicose

O grande clássico de Alfred Hitchcock. Para ver o que acontece antes e depois da cena do esfaqueamento no chuveiro.

17. Capitão Phillips

Filme dramatiza o ataque de piratas somalis contra um navio cargueiro americano em 2009. O longo é inspirado no livro Dever de capitão, escrito pelo comandante da embarcação, Richard Phillips, feito refém pelos corsários africanos e vivido por Tom Hanks na adaptação. Leia a crítica.

18. Beleza Americana

Dois anos antes, foi lançado esse grande filme, vencedor do Oscar de 2000, que conta com uma baita atuação de Kevin Spacey como um americano que vive intensa crise de meia idade.

19. Foi apenas um sonho

O casal de Titanic (1997), Kate Winslet e Leonardo DiCaprio, se reencontra neste drama dirigido por Sam Mendes (Beleza americana). Na trama, a dupla vive um casal em crise, que viu sua vida sucumbir à rotina, tornando-se aquilo que não imaginava ser.

20. Airheads

Comédia que reúne Steve Buscemi, Brendan Fraser e Adam Sandler em um banda anônima de rock. Desesperados por sucesso, eles invadem uma estação de rádio para que sua fita demo seja tocada.

21. Amnésia

Dirigido por Christopher Nolan, Amnésia (2000) é uma experiência. Narrada de trás para frente e intercalado por cenas em preto e branco de um passado recente, a trama conta a história de Leonard Shelby (Guy Pearce), que sofre de perda de memória por causa de uma lesão na cabeça e busca o assassino de sua esposa. Para não esquecer sua missão, Shelby tira fotos em polaroid de pessoas e lugares e tem tatuagens espalhadas pelo seu corpo – que se revela um arquivo ambulante de sua mulher.



22. Quero ser grande

Tom Hanks, ainda em início de carreira, encarna um guri que deseja ser aduto e tem seu pedido atendido. Altas confusões neste clássico da Sessão da tarde, que merece ser assistido na versão dublada.

23. Clube de compras Dallas

A história de Ron Woodroof, usuário de drogas heterossexual e homofóbico, que, em 1986, foi diagnosticado com aids. Quase à beira da morte, ele foi em busca de medicamentos alternativos fora do país. Com a ajuda de sua médica e do travesti Rayon, portador do HIV, Woodroof cria clubes em que as pessoas pagavam por tratamentos alternativos, causando revolta da indústria farmacêutica. Dirigido por Jean-Marc Vallée, o longa rendeu os Oscar de melhor ator para Matthew McConaughey e melhor ator coadjuvante para Jared Leto.

24. Donnie Darko

Um jovem excêntrico e solitário, interpretado por Jake Gyllenhaal, tem visões nas quais é informado de que o fim do mundo está próximo. Ambientado nos anos 1980, a trilha sonora do longa é composta de ótimas músicas da época – como Head over heels, do Tears for Fears, e The killing moon, clássico do Echo & The Bunnymen que abre o filme.



25. Como enlouquecer seu chefe

Uma comédia que faz rir sem apelar para piadas pastelão, Como enlouquecer seu chefe apresenta diversos personagens pitorescos que surgem no ambiente de um escritório. Através de um senso de humor inteligente, o filme questiona as relações profissionais estabelecidas. O roteiro é de Mike Judge, criador de Beavis & Butt-Head e da série Sillicon valley. Como enlouquecer seu chefe influenciou muito a versão norte-americana da série The Office.



26. Scarface

Obra-prima de Brian de Palma, com roteiro de Oliver Stone e atuação histórica de Al Pacino como o chefão do tráfico de drogas cubano Tony Montana. Daqueles filmes que são necessários para qualquer amante de cinema.

27. Up: Altas aventuras

Animação linda, para se lavar chorando. Aviso: tem velhinhos e bichinhos.

28. O segredo dos seus olhos

Filme argentino com o grande Ricardo Darín no elenco. Recebeu o Oscar de melhor filme estrangeiro. Merecido.

29. O senhor das armas

Baseado na história real de um dos maiores contrabandistas de armas do mundo, aqui intepretado pelo sempre excelente Nicolas Cage. Destaque para a abertura e para a sequência quase poética sobre o fuzil soviético kalashnikov.

30. Hoje eu quero voltar sozinho

Dirigido por Daniel Ribeiro, este filme era inicialmente um curta (Eu não quero voltar sozinho, 2010). Após o sucesso da produção, o diretor decidiu aprofundar a trama de um menino cego que se envolve com um garoto recém-chegado à escola e vive a inocência do primeiro amor. No Festival de Berlim, o longa ganhou o Teddy Bear, voltado a filmes de temática homossexual, e um prestigiado prêmio da crítica, além de receber a segunda nota mais alta de avaliação do público do evento.

31. Fargo

Misturando drama e humor negro, longa rendeu os Oscar de Melhor Atriz à Frances McDormand e Melhor Roteiro Original aos irmão Joel e Ethan Coen e virou uma série bem sucedida. Na trama do filme, um gerente de uma revendedora de carros elabora o sequestro da própria esposa, mas o plano acaba tomando proporções catastróficas e provoca uma série de mortes. Cabe a uma policial grávida tentar elucidar o caso.

32. Shame

Morador de Nova York, Bradon (Michael Fassbender) é um sujeito solitário e discreto, que é viciado em sexo. Porém, suja rotina é tensionado após a chegada repentina de sua problemática irmã Cissy. A atuação de Fassbenber em Shame lhe rendeu o prêmio de Melhor Ator no Festival de Veneza.

33. O grande Lebowski

O filme tem algumas das figuras mais marcantes da filmografia dos irmãos Ethan e Joel Coen , que não são poucas. A começar pelo protagonista, um hippie anacrônico que resolver intervir num sequestro e dá início à ciranda de erros típica dos longas da dupla.

34. Onde os fracos não têm vez

Vencedor do Oscar de melhor filme em 2008, essa obra-prima dos irmãos Coen tem a atuação impecável de Javier Bardem como um assassino que mata suas vítimas com uma mangueira de ar comprimido.

35. Tempo de matar

Quando dois homens brancos estupram e espancam uma menina negra de 10 anos, o pai da garota resolve fazer justiça com as próprias mãos e mata os estupradores. A cidade, no Mississipi, estado norte-americano tomado pela Ku Klux Klan, fica em polvorosa com o caso e um advogado branco decide lutar para absolver o homem.

36. O sal da Terra

Documentário sobre a vida do fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado e apresenta seu projeto Gênesis, expedição que tem como objetivo registrar, a partir de imagens, civilizações e regiões do planeta até então inexploradas.

37. Bastardos inglórios

Drama de guerra dirigido por Quentin Tarantino, o filme conta a história de dois planos para assassinar os líderes políticos da Alemanha nazista.

38. Uma noite de crime – Anarquia

Em um futuro não muito distante, o governo americano estabelece que, durante uma noite, toda atividade criminosa será lícita e as forças de segurança não estarão disponíveis. A ideia é deixar as pessoas estravazarem a raiva e acertarem contas, mas é claro que a ideia não é boa para todo mundo. Sequência de Uma noite de crime (2013), Anarquia expõe as questões sociais envolvidas na noite do expurgo.

39. Trainspotting

Adaptação da obra de Irvine Welsh, o drama narra as desventuras de um grupo de junkies e retrata a cena clubber de Edimburgo, Escócia, dos anos 1990. Viciados em heroína, eles mergulham no submundo para se sustentarem. A trilha sonora, que é essencial para o longa fluir, conta com nomes como Blur, Primal Scream, Lou Reed, Pulp, New Order e Iggy Pop – cuja canção Lust for life ganhou clipe com cenas do filme.



40. Sharknado

Filme extremamente bizarro com um tornada que captura tubarões no mar e os leva até a terra, onde eles aterrorizam seres humanos. Nada faz sentido, mas com certeza vai garantir risadas histéricas naquela noite em que você junta amigos em casa e não tem nada para fazer. Trilogia disponível na Netflix.

41. Dear Mr. Watterson

Documentário que conta a história do nada acessível Bill Watterson, cartunista criador de Calvin e Haroldo. Vale tanto para fãs de quadrinhos e de Watterson quanto para aqueles que nunca ouviram falar em Calvin.

42. Iverson

Mesmo sem nunca ter conquistado um único título da NBA, principal competição de basquete dos Estados Unidos, o armador Allen Iverson marcou época e segue sendo apontado até hoje como um dos maiores jogadores da história do esporte. Esta biografia conta a história do astro, que chegou a ser jogador de futebol americano nos tempos de escola e teve sua vida marcada ao ser preso em uma briga.

43. Blue Jasmine

Dirigido por Woody Allen, filme apresenta a queda na pirâmide social de Jasmine, uma socialite de Nova York que é obrigada a se mudar para a casa da irmã. O drama é estrelado por Cate Blanchett, cuja atuação lhe rendeu um Oscar de melhor atriz.

44. Embriagado de amor

Filme de Paul Thomas Anderson (Sangue Negro, 2007) traz Adam Sandler, conhecido por seus papéis em filmes pastelões de comédia, em um papel dramático e intimista. No longa, o ator vive o desajustado Barry, um homem solitário e frustrado que transita entra diferentes emoções – como raiva e desejo – ao se apaixonar por Lena (Emily Watson).

45. As vantagens de ser invisível

Charlie (Logan Lerman) é um estudante depressivo de 15 anos que precisa lidar com o suicídio de seu melhor amigo e com a descoberta de seu primeiro amor, Sam (Emma Watson).

46. O Homem dos Músculos de Aço

O Homem dos Músculos de Aço segue Arnold Schwarzenneger, que em 1975 era apenas um concorrente do concurso de fisiculturismo Mr. Olympia. Depois, o bombadão virou o Exterminador do Futuro e governador da Califórnia.

47. Indie Game: The Movie

Bonita história de guris que vivem lutando contra tudo e contra todos para conseguir lançar seus jogos de videogame independentes.

48. O primeiro mentiroso

O cineasta e humorista britânico Ricky Gervais especula nesta comédia como seria o mundo se as pessoas só dissessem a verdade. Na trama, o roteirista Mark Bellison (vivido por Gervais) inventa a mentira e se torna o homem mais influente e rico do mundo, além de florescer a religião e o fanatismo.

49. Jiro Dreams of Sushi



Documentário sobre o maior chef de sushi do mundo, que mantém há décadas um minúsculo restaurante no metrô de Tóquio. A história e a rotina do velho mestre e sua relação com os filhos e a comida são o núcleo deste belíssimo registro.

50. The Square 

Para quem quer entender melhor os conflitos da Primavera Árabe e a revolta popular que tomou conta do Egito.

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.