26 anos

Casa de Cultura Mario Quintana comemora aniversário com 36 horas de atrações ininterruptas

Portas da CCMQ abrirão às 9h de sábado, com todas as exposições de artes visuais abertas, inclusive com as obras da parceria com o MACRS

Por: Zero Hora
23/09/2016 - 16h00min | Atualizada em 23/09/2016 - 16h00min
Casa de Cultura Mario Quintana comemora aniversário com 36 horas de atrações ininterruptas Bruno Alencastro/Agencia RBS
Foto: Bruno Alencastro / Agencia RBS

Para comemorar seus 26 anos, a Casa de Cultura Mario Quintana vai promover um evento ininterrupto de 36 horas. Com o sugestivo nome de Casa Viva, a festa de aniversário de um dos centros mais importantes da cultura gaúcha tem como tema as atividades que marcaram a trajetória da CCMQ: teatro, música, cinema, dança, circo e artes visuais terão espaço na programação, que começa às 9h de sábado e vai até as 21h de domingo, sempre de forma gratuita.

A Casa Viva surgiu da ideia de trazer a Porto Alegre conceitos como o das Viradas Culturais de São Paulo, testadas na recente Noite dos Museus, que manteve os principais museus da Capital abertos durante a madrugada. De acordo com o diretor da CCMQ, Émerson Martínez Fortes, foi percebida uma receptividade dos porto-alegrenses a eventos desse tipo, que convidam o apreciador a interagir de maneira mais próxima e menos formal com a arte. 

– Queremos fazer um evento à altura da casa. Ao longo do ano, nossa programação é muito variada e contempla diversas áreas da cultura, então quisemos usar esse evento para representar o trabalho que fazemos durante o ano. O pessoal de Porto Alegre está mais receptivo, e até sedento, por esse tipo de atividade, mas dificilmente tem gente maluca o suficiente para por na prática. 

Leia mais:
Companhia francesa de Maguy Marin é destaque do Porto Alegre Em Cena com "BiT"

As portas da CCMQ abrirão às 9h de sábado, com todas as exposições de artes visuais abertas, inclusive com as obras da parceria com o Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MACRS), que estão nas galerias da CCMQ. Às 10h, a Escola de Circo Parangolés apresenta seu Como nasce um artista na Travessa dos Cataventos, enquanto a Cia Caixa de Elefante traz Cuco, a linguagem dos bebês para a Sala Cecy Frank. E assim segue a programação: com eventos simultâneos, sem parar e das mais diversas áreas, para adultos e crianças. No Jardim Lutzenberger, que estará aberto durante as 36 horas de evento, haverá música ao vivo sempre a partir das 14h30min. A Sala de Cinema Eduardo Hirtz vai ficar aberta das 22h às 6h, com entrada franca. Os demais horários da Cinemateca Paulo Amorim seguem sua programação normal assim como a cobrança de ingressos.

Os espetáculos realizados nos Teatros Bruno Kiefer e Carlos Carvalho, Sala Cecy Frank, Auditório Luis Cosme e Sala Eduardo Hirtz terão distribuição de senhas, sempre uma hora antes de cada espetáculo, no Balcão de Informações (Ala Oeste). Para quem quiser se inscrever nas oficinas, que têm limite de participantes, é necessário enviar um e-mail para oficinas.ccmq@gmail.com (com o nome da oficina no campo de "assunto" e o nome completo dos participantes no corpo da mensagem).

Além da segurança reforçada pela Brigada Militar, que enviará policiais a mais para o local durante o evento, a CCMQ contratou um serviço de segurança particular, que manterá no local, durante a madrugada, doze seguranças entre o interior do prédio e as ruas no entorno.

– A tendência é sempre que a cultura fique em segundo plano, ainda mais em momentos de crise econômica e política. Nesse sentido, o evento ganha uma representatividade ainda maior, de que é preciso tratar a cultura com seriedade, de que é necessário e possível proporcioná-la à população, mesmo quando há crise. 

Confira a programação completa do Casa Viva:

24 de setembro (sábado) 

  • 10h – Como Nasce Um Artista, Escola de Circo Parangolés – Cras Bom Sucesso (Camaquã), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 10h – Cuco, a Linguagem dos Bebês no Teatro, Cia Caixa de Elefante (POA), Sala Cecy Frank (4º andar).
  • 11h30 –Grupo Tchê UFRGS (POA), Dança Tradicional Gaúcha, na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 12h – Forró na Travessa, Banda Maria Bonita (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 13h – Oficina de Pinhole, Núcleo de Fotografia da CCMQ, no Laboratório de Fotografia (3º andar).
  • 13h – Oficina Som no Cinema (até 12 anos), (POA), na sala Hermes Mancilha (4º andar).
  • 13h – Oficina Som do Cinema (15 a 18 anos), com Caio Amom (POA), na sala Marcos Barreto (4º andar).
  • 14h – O Pequeno Príncipe, Cia. Goliardos (Canela), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 14h – Morabeza – A Arte de Bem Receber, Maura Rodriguez (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 14h – Oficina Aberta de Música, Ritmo e Expressão Corporal (7 a 12 anos), João Coimbra (POA), no espaço Sapato Florido (5º andar).
  • 14h – Oficina Discotecagem e Scratches, DJ Piá (POA), no espaço Lupicínio Rodrigues (4º andar).
  • 14h30 – Picnic na Casa, com Zé Caradípia (POA), no Jardim Lutzenberger (5º andar).
  • 14h30 – Oficina Desenhar & Poesias, com Ana Tedesco (POA), no espaço Sapato Florido (5º andar).
  • 15h – Samba na Travessa, Renan Ludwig (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 15h – Lambe Lambe, Entre Linhas (Novo Hamburgo), itinerante.
  • 15h – Oficina de Dança Celta e Folclóricas, com Gisele e Daniel (POA), na Sala Andradas (3º andar).
  • 15h – Oficina Escrita Criativa, Bruna Brönstrup (POA), na sala Onda (5º andar).
  • 16h – Contando a Verdade, Cantando a História, Confraria Castro Alves (POA), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 16h – Devolusson – Os Sons da Casa, Diego Silveira (POA), na Sala Irmãos Moritz (4º andar).
  • 16h – Bem-Te-Vi Marmotta, Palhaça sem Lona (POA), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 17h – Clube do Choro (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 17h30 – Picnic na Casa, com Zelito (POA), no Jardim Lutzenberger (5º andar).
  • 18h – Beatles Revolution, Banda Maquinados e Orquestra de Venâncio Aires (Venâncio Aires), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 18h – 40 Segundos, Grupo O Espanto XI (Estrela), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 18h – Camerata Pampeana, Maestro Tasso Bangel (POA), na Auditório Luis Cosme (4º andar).
  • 19h – Escola de Samba Portela do Sul (Novo Hamburgo), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 19h – Venha Descobrir os Anéis de Saturno, Observatório Astronômico da PUC-RS (POA), no Terraço do 7º andar.
  • 21h – Pero No Mucho, Mini Big Band (Novo Hamburgo), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 21h – Trocando as Patas, Grupo Quebrando Gelo (Tupandi), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 22h – Filme Campo de Jogo, direção de Erick Rocha, na Sala Eduardo Hirtz (térreo).
  • 23h – João Maldonado e Trio (POA), na Auditório Luis Cosme (4º andar).

25 de setembro (domingo) 

  • 00h – Sarau Quintanares, Coletivo Cultural Manifesto Poesia (Novo Hamburgo), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 00h – Filme Chico, Artista Brasileiro, direção de Miguel Faria Jr, na Sala Eduardo Hirtz (térreo).
  • 2h – Filme Cássia Eller, direção de Paulo Fontenelle, na Sala Eduardo Hirtz (térreo).
  • 3h – Cacos de Espelho (Orlando 12 de Junho de 2016), Performance Leitura Dramatizada, Plínio Mosca (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 4h – Filme Betinho, A Esperança Equilibrista, direção de Victor Lopes, na Sala Eduardo Hirtz (térreo).
  • 6h – Filme Últimas Conversas, direção de Eduardo Coutinho, na Sala Eduardo Hirtz (térreo).
  • 10h – Turucutá, Batucada Coletiva Independente (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 11h – Cuco, a Linguagem dos Bebês no Teatro, Cia Caixa de Elefante (POA) na sala Cecy Frank (4º andar).
  • 11h – Alabê Ôni, Tambores e Cantos Afro-Gaúchos (POA), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 11h – E Tudo Era Coisa Musical, Grupo Vocal da Boca pra Fora (POA), na Auditório Luis Cosme (4º andar).
  • 12h – Flamenco de Bolso (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 13h – Oficina de Pinhole, Núcleo de Fotografia CCMQ (POA), no Laboratório de Fotografia (3º andar).
  • 14h – Brasileirada, Grupo Andanças (POA), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 14h – No Fundo do Mar, Grupo Galpão das Artes (Osório), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 14h30 – Oficina Desenhar & Poesias, com Ana Tedesco – Atelie Oca e Escola de Poesia (POA), no espaço Sapato Florido (5º andar).
  • 14h30 – Oficina de Origami, Um Caminho de Autoconhecimento, com Luana Mitto (POA), na sala Onda (5º andar).
  • 15h – Banda Maria Parafina (Ivoti), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 15h – PicNic na Casa, com Maí Iandara (POA), no Jardim Lutzenberger (5º andar).
  • 16h – Fragmentos de O Tempo e o Vento, Academia Neusa Martinotto (Canela), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 16h – A Princesa Engasgada, Makki Produções (Estância Velha), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 16h – Senhora Literástica, com Lourdes Kauffmann (POA), no espaço Lupicínio Rodrigues (4º andar).
  • 17h – Caravana Bellessa, Circo de Bolso (Novo Hamburgo), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 17h – PicNic na Casa, com Jahn Berwig (Novo Hamburgo), no Jardim Lutzenberger (5º andar).
  • 18h – Ah Lá Pucha, Tchê, Cia Palco Iluminado (POA), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 18h – O Vendedor de Certezas, Grupo Das Duas Outras (POA), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 19h – Necitra, Núcleo de Experimentações Cênicas e Transversalidades (POA), na Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 20h – Cine Floyd (POA), no Teatro Bruno Kiefer (6º andar).
  • 20h – Negras Vozes, Gil Colares e Banda (POA), no Teatro Carlos Carvalho (2º andar).
  • 20h – Força na Peruca, Baby Gui Drag Queen (POA), Travessa dos Cataventos (térreo).
  • 21h – Brasil Afro Vibes, discotecagem com DJ Piá, na Travessa dos Cataventos (térreo).

Casa Viva
Casa de Cultura Mario Quintana (Andradas, 736)
24 e 25 de setembro (sábado e domingo)
Das 9h do dia 24 de setembro às 21h do dia 25 de setembro
Entrada gratuita

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.