Noveleiros

Coronel Saruê fica louco e solitário na reta final de Velho Chico

Abandonado pela família, Afrânio perderá tudo, até a lucidez

Por: Michele Vaz Pradella
08/09/2016 - 13h13min | Atualizada em 08/09/2016 - 13h18min
Coronel Saruê fica louco e solitário na reta final de Velho Chico Cesar Alves/TV Globo/Divulgação
Foto: Cesar Alves / TV Globo/Divulgação

A solidão será o maior castigo de Afrânio (Antonio Fagundes) na reta final de Velho Chico. Aos poucos, o Coronel Saruê perderá tudo, inclusive a sanidade mental.

A queda do poderoso de Grotas já começou, graças às armações de Carlos Eduardo (Marcelo Serrado). Depois de assumir o poder, o deputado será responsável pelo golpe mais duro contra Afrânio: o assassinato de Martim (Lee Taylor).

Leia mais:
Velho Chico: Carlos Eduardo dá golpe em Afrânio e vira o novo coronel Saruê
Após críticas, Antonio Fagundes vai tirar a peruca em Velho Chico
Velho Chico: Martim será assassinado

O desaparecimento do único filho e, pouco depois, a morte da mãe, Encarnação (Selma Egrei), deixarão o Coronel cada vez mais transtornado. Para completar, Iolanda (Christiane Torloni) resolve abandonar o marido.

Ao constatar que está sozinho no casarão, Afrânio manda os empregados emparedarem todos os quartos, na vã tentativa de se livrar das lembranças de todos que o abandonaram. Em surtos de loucura, ele conversará com a mãe morta, cada vez mais perdido em seus devaneios.

Um final triste, mas merecido para alguém que fez tanto mal à própria família, não acham?


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.