BBB 17

Marinalva, Pedro e Emilly enfrentam paredão na véspera de divisão por muro. Saiba como será o "racha" 

Trio disputa a preferência do público pela permanência no jogo que vai dar R$ 1,5 milhão ao vencedor. Nesta segunda, casa será dividida

05/03/2017 - 23h59min | Atualizada em 06/03/2017 - 00h14min
Marinalva, Pedro e Emilly enfrentam paredão na véspera de divisão por muro. Saiba como será o "racha"  montagem sobre fotos de TV Globo/
Gaúcha de Eldorado do Sul (D) enfrenta paratleta e jornalista na disputa pela permanência na casa Foto: montagem sobre fotos de TV Globo  

Mais um paredão triplo foi formado no BBB 17. Na noite deste domingo, a berlinda começou a ser montada com o voto de Roberta, que ganhou o direito de indicar alguém direto para a ¿fogueira¿ ao receber uma pulseira vermelha de Ilmar durante a semana, depois que ele atendeu ao Big Fone. Ela mandou Marinalva.

Depois, Roberta, que também é o anjo da semana, imunizou Ieda. Só então, o líder, Ilmar, decretou seu voto: Pedro. O trio que disputará a preferência do público pela permanência na casa ficou completo com a gaúcha de Eldorado Emilly, que recebeu seis votos da casa. 

Reviravolta

A função da pulseira branca, dada por Ilmar a Marcos, vai ser revelada aos brothers na noite desta segunda-feira. A exemplo do que aconteceu no BBB 9, um muro vai separar a casa em duas partes. 

A divisão acontecerá a partir de uma votação ao vivo, quando os confinados terão que escolher quem desejam eliminar instantaneamente do reality. Por conta da pulseira branca, o voto de Marcos valerá por dois. 

A pessoa mais votada vai morar no outro lado do muro e escolherá quatro pessoas para ir com ela. O que eles não saberão ainda é que, na próxima quinta-feira, apenas esse grupo participará da prova do líder. 


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.