Programinha

Espetáculo de dança interativo e outras atrações para as crianças curtirem neste fíndi

Séries de TV e livros também estão entre as dicas

Por: Nathália Carapeços
21/04/2017 - 13h30min | Atualizada em 25/04/2017 - 08h13min
Espetáculo de dança interativo e outras atrações para as crianças curtirem neste fíndi Marta Reichel Reus/Divulgação
"Pequenices" Foto: Marta Reichel Reus / Divulgação  

Pequenices dançantes
A viagem que a bailarina e arte-educadora Fernanda Bertoncello Boff propõe em Pequenices exalta a democracia do movimento. Crianças ocupam o lugar de protagonistas do espetáculo de dança contemporânea para trilhar um percurso desafiador. E os pequenos podem mergulhar nessa jornada no fim de semana, quando a montagem estreia na Sala Álvaro Moreyra com sessões no sábado e no domingo, às 11h e às 15h.

– Criei um espaço de experimentação com algumas crianças para saber o que elas iam me trazer. Deixei tudo em aberto, não era uma aula. A partir disso, veio o mote da viagem, uma ideia de percurso e de trajeto, algo que está nos levando juntos para algum lugar. Há vários desafios de movimento – explica Fernanda.

Leia mais:
Dia do Índio: ouça sete músicas brasileiras com temática indígena
Cinema em Porto Alegre: "Vida" e outras estreias desta semana

No espaço cênico, a bailarina se une aos pequenos de seis a 10 anos que estão dispostos a, literalmente, entrar na dança. Elementos como capas de vestir, tecidos e cordas estimulam as crianças a soltar a imaginação. Os pais e acompanhantes viram espectadores, ou melhor, uma torcida organizada, adianta a idealizadora:

– Vai ter um início, um meio e um fim, as crianças cumprirão uma missão. A plateia é o apoio para cada desafio vencido. 

Esse é o terceiro trabalho de dança contemporânea para crianças no qual Fernanda está envolvida – a bailarina participou de Faz de Conta Que (2010), do Grupo Experimental de Dança, e Guia Improvável para Corpos Mutantes (2013), dirigido por Airton Tomazzoni. Contemplado pelo Prêmio Funarte Klauss Vianna de Dança 2014, Pequenices marca o voo solo da bailarina.

– Me interessa a dança contemporânea por acreditar que ela é democrática. Aceita todos os corpos, todos os movimentos, não trabalha com uma lista de códigos. Na infância, a dança pode trabalhar essa potência de criatividade e expressão – avalia Fernanda. – Pensar isso junto das crianças acaba sendo uma grande brincadeira – completa.

No sábado, as sessões de Pequenices são gratuitas. Já no domingo, o valor é de R$ 20. Após a última apresentação, haverá o lançamento do livro Pequenices: Dança, Corpo e Educação, que reúne textos sobre o tema e propostas de brincadeiras de danças para serem feitas com as crianças.

Foto: TV Brasil / Divulgação

Exterminador de seres monstruosos
Dirigida pelo gaúcho Gustavo Spolidoro, a série live-action Ernesto, O Exterminador de Seres Monstruosos (E Outras Porcarias) chega à programação da TV Brasil nesta segunda-feira. A produção acompanha o destemido Ernesto (Augusto Madeira) que, a cada episódio, vai resolver um caso diferente. Com o auxílio de seu escudeiro Bartolomeu (Matheus Costa), o personagem ajuda as pessoas a enfrentarem seus "monstros" – sejam as criaturas embaixo da cama ou aquelas que assombram os sonhos de algumas crianças. A exibição ocorre às 12h e às 16h de segunda a sexta.

Branca de Neve repaginada
A série estrangeira Sete Anões e Eu estreia em versão dublada nesta segunda-feira, às 18h, no Gloob. Inspirada no conto dos Irmãos Grimm, a trama reúne 13 episódios e mostra Neve Le Blanc vivendo normalmente num pequeno vilarejo com seus pais e seus amigos anões: Nicolau, Fanfo, Nino, Elyseo, Bolado, Teco e Aurélio. Mas o que a menina de 11 anos descobre é que sua vida não é tão comum assim: ela é descendente da Branca de Neve e tem sete anões como guardiões. Os episódios vão ao ar sempre de segunda a sexta.


Top livros

O Ladrão de Verrugas
Mathilda Kóvak se une ao ilustrador Cesar Lobo para contar a história de um esquisito bandido que rouba verrugas. Lupão ficou conhecido no mundo por sua originalidade no crime. O livro remete ao formato da história em quadrinhos. Zit Editora, R$ 26,90

O Irmão do Meu Irmão
As diferentes formações familiares são o mote do livro de Cristina Villaça. Ilustrada por Rafa Anton, a obra explora a relação de uma garota com a nova família formada pelo pai – principalmente com o irmão emprestado. Zit Editora, R$ 26,90

Bichodário
Voltado para crianças em fase de alfabetização, o volume de Telma Guimarães mostra um alfabeto divertido cheio de animais e esmiuçado por meio de trava-línguas. As ilustrações são de Marcelo Cipis. FTD Educação, R$ 39

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.