MPB passada a limpo

Toquinho comemora 50 anos de carreira com Ivan Lins e MPB4 em Porto Alegre

No show 50 Anos de Música, os artistas alternam-se no palco em interpretações solo, em duplas e com a reunião de todos

06/04/2017 - 18h37min | Atualizada em 06/04/2017 - 18h55min
Toquinho comemora 50 anos de carreira com Ivan Lins e MPB4 em Porto Alegre Carlos Costa/Divulgação
Miltinho, Dalmo Medeiros, Paulo Malaguti e Aquiles, integrantes do MPB4, dividirão o palco com Ivan Lins e Toquinho  Foto: Carlos Costa / Divulgação  

Eles estão entre os músicos que ajudaram a moldar, a partir da segunda metade da década de 1960, o gênero que viria a ser conhecido pela sigla MPB. Construindo uma ponte entre a segunda geração da bossa nova e a música que unia sonoridades regionais com temáticas sociais e políticas, despontaram na era de ouro dos festivais e cristalizaram sólidas e prestigiadas carreiras nas mais de cinco décadas seguintes. 

Tendo Toquinho como anfitrião, Ivan Lins e MPB4 estarão reunidos na noite desta sexta-feira no Auditório Araújo Vianna para celebrar ao vivo essa estrada pavimentada com sucesso comercial, excelência artística e cancioneiros repletos de clássicos. No show 50 Anos de Música, os artistas alternam-se no palco em interpretações solo, em duplas e com a reunião de todos. 

Leia mais:
Show com Ivan Lins e MPB4 é "alicerçado na longa amizade que nos une"
Krisiun é destaque em festival de metal neste domingo no Opinião
Em novo acordo, Universal lançará discos no Spotify em primeira mão

Antes dos veteranos músicos, o jovem cantor e multi-instrumentista Ale Vanzella fará uma apresentação de abertura, a partir das 20h30min. O gaúcho interpretará temas de seu disco mais recente, chamado Indie Bossa II, em que revisita hits do indie rock com levada de bossa nova.

Toquinho vem comemorando meio século de trajetória desde o ano passado – o marco zero é considerado seu disco de estreia, o instrumental O Violão de Toquinho, lançado em 1966, que revelou um virtuoso músico com então 20 anos. O cantor, compositor e violonista paulistano esteve em Porto Alegre em agosto passado com um desses shows festivos ao lado de convidados especiais – no caso, Joyce Moreno. No concerto de sexta, Toquinho vai mostrar sucessos como Aquarela e Samba de Orly e pérolas de sua copiosa produção com Vinicius de Moraes (1913 – 1980). Outra rica parceria lembrada hoje será a de Ivan Lins e Vitor Martins, responsável por êxitos como Abre Alas, Desesperar Jamais e Vitoriosa. Já o MPB4, quarteto porta-voz de veneráveis compositores nacionais como Chico Buarque e os dois companheiros de cena, cantará músicas inesquecíveis como Amigo É pra Essas Coisas e Cálice. O grupo mantém até hoje dois de seus integrantes originais: os vocalistas Miltinho e Aquiles.

O viés político, presente desde sempre na obra de todos – mas especialmente durante a década de 1970 –, não vai ficar de fora da noitada: fechando o espetáculo, a escolha dos temas Roda Viva, Apesar de Você, Novo Tempo e Quem te Viu, Quem te Vê atualiza sob a perspectiva dos nossos dias o conteúdo dessas letras de protesto e denúncia, revelando o inequívoco engajamento desses artistas e sua crença em que amanhã há de ser outro dia.

REPERTÓRIO
O Ronco da Cuíca (João Bosco / Aldir Blanc)
Yolanda (Pablo Milanés / versão de Chico Buarque)
Amigo É pra Essas Coisas (Aldir Blanc / Silvio da Silva Jr.)
A Voz na Distância (Paulo Malaguti)
Cálice (Chico Buarque / Gilberto Gil)
Tarde em Itapuã (Toquinho / Vinicius de Moraes)
O Pato (Toquinho / Paulo Soledade / Vinicius de Moraes)
A Bicicleta (Mutinho / Toquinho)
A Casa (Vinicius de Moraes)
O Caderno (Mutinho /Toquinho)
Como Dizia o Poeta (Albioni / Toquinho / Vinicius de Moraes)
Samba de Orly (Toquinho /Chico Buarque / Vinicius de Moraes)
Que Maravilha (Toquinho / Jorge Ben Jor)
Bachianinha Nº 1 (Paulinho Nogueira)
Aquarela (Toquinho / Maurizio Fabrizio / Guido Morra / Vinicius de Moraes)
O Amor em Paz (Tom Jobim / Vinicius de Moraes)
Abre Alas (Ivan Lins / Vitor Martins)
Desesperar Jamais (Ivan Lins / Vitor Martins)
Vitoriosa (Ivan Lins / Vitor Martins)
Depende de Nós (Ivan Lins / Vitor Martins)
Madalena (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
Sou Eu (Ivan Lins / Chico Buarque)
Deixa Eu Dizer (Ivan Lins / Vitor Martins)
Roda Viva (Chico Buarque)
Apesar de Você (Chico Buarque)
Novo Tempo (Ivan Lins / Vitor Martins)
Regra Três (Toquinho / Vinicius de Moraes)
Quem te Viu, Quem te Vê (Chico Buarque)

TOQUINHO, IVAN LINS E MPB4 – 50 ANOS DE MÚSICA
Sexta-feira, às 21h.
Abertura, às 20h30min: Ale Vanzella.
Auditório Araújo Vianna (Osvaldo Aranha, 685).
Ingressos: até o fechamento desta edição, restavam ingressos de plateia alta central, ao preço de R$ 250. Há desconto de 10% para sócios do Clube do Assinante.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.