Para ver na TV

Filmes para assistir na TV neste final de semana

Programação do fíndi tem destaque para "Acossado", no sábado, e "O homem que sabia demais", no domingo

16/09/2016 - 15h00min | Atualizada em 16/09/2016 - 15h00min


"Mad Max: Estrada da fúria" vai ao ar no domingo, às 22h Foto: warner / Divulgação

SÁBADO

ACOSSADO (A bout de souffle) 
De Jean-Luc Godard. Com Jean Seberg e Jean-Paul Belmondo. Um dos pilares sobre os quais se ergueu nouvelle vague, Acossado tornou-se, com sua inventiva construção visual e narrativa, o filme referencial do movimento que revoluciou a cinematografia mundial. Jean-Paul Belmondo vive um ladrão de carros perseguido pela polícia que chega a Paris e envolve-se com uma jovem americana (Jean Seberg). Drama, França, 1960, 90min. Arte 1, 16h.

TÁXI TEERÃ (Taxi )
De e com Jafar Panahi. Cineasta iraniano perseguido pelos aitolás em seu país, Panahi trabalha de forma clandestina e sob vigilância. E ganhou o Urso de Ouro do Festival de Berlim com este inventivo painel que faz da vida em seu país. Instalou pequenas câmeras em um táxi e registrou as conversas com os passageiros, embaralhando realidade e encenação enquanto percorre as ruas de Teerã. Docudrama, Irã, 86min. Telecine Cult, 22h.

GRAVIDADE (Gravity)
De Alfonso Cuarón. Com Sandra Bullock e George Clooney. Filme ganhador de sete Oscar, incluindo o de melhor direção, para o mexicano Cuarón. Mesmo sem o impacto da experiência sensorial proporcionada pela projeção Imax 3D no cinema — sobretudo em sua primeira metade, vale conferir o tenso drama da astronauta que, após um acidente, se vê perdida nos confins do espaço. Drama, EUA/Reino Unido, 2013, 91min. Cinemax, 21h

O FEITIÇO DE ÁQUILA (Ladyhawke)
De Richard Donner. Com Rutger Hauer e Michelle Pfeiffer. A única coisa que envelheceu mal nesta fábula romântica é a trilha sonora eletrônica do grupo Toto, já de gosto duvidoso à época. De resto, acompanha-se com grande prazer a saga romântica de um casal da Idade Média condenado à infelicidade por uma maldição: de dia, ela se transforma em falcão, e ele, à noite, vira um lobo. Drama, EUA, 1985, 121min. RBS TV, 3h.

DOMINGO

O HOMEM QUE SABIA DEMAIS
De Alfred Hitchcock. Com James Stewart e Doris Day. Hitchcock achou que podia melhorar na versão americana de O homem que sabia demais (The Man who knew too much), com mais recursos e dois nomes do primeiro time de Hollywood, o filme que havia feito na Inglaterra em 1934. Conseguiu. De férias com a mulher e filho no Marrocos, médico acaba envolvido em uma perigosa conspiração criminosa. Supense, EUA, 1956, 150min. Telecine Cult, meia-noite.

EDWARD MÃOS DE TESOURA (Edward scissorhands)
De Tim Burton. Com Johnny Depp. Fábula gótica que é um dos pontos altos da irregular filmografia de Burton. O protagonista é um rapaz criado em laboratório por um cientista, que morre antes de lhe colocar mãos no lugar das tesouras provisórias. Sozinho no mundo, será adotado por uma família e ficará exposto à curiosidade da vizinhança. Drama fantástico, EUA, 1990, 104min. Telecine Touch, 13h40min.

MAD MAX: ESTRADA DA FÚRIA (Mad Max: Fury road)
 De George Miller. Com Tom Hardy e Charlize Theron. O diretor retomou com êxito comercial e artístico sua distópica trilogia iniciada em 1979. Hardy, substituindo Mel Gibson, vive o prisioneiro que a gangue de um tirano arrasta pelo deserto australiano em meio à perseguição a um grupo de escravas fugitivas – liderado pela ótima personagem encarnada por Charlize Theron. Ação, Austrália/EUA, 2015, 120min. HBO 2, 22h. 

MISSÃO IMPOSSÍVEL: PROTOCOLO FANTASMA (Mission:Impossible – Ghost protocol)
De Brad Bird. Com Tom Cruise. Neste quarto filme da franquia, Cruise encarna o espião Ethan Hunt em mais uma frenética gincana pelo mundo. O ponto alto de ação e tensão é ambientado em Dubai, uma das paradas da corrida contra o relógio de Hunt para impedir os planos do vilão terrorista que ameaça a paz mundial. Ação, EUA/Emirados Árabes, 2011, 133min. RBS TV, 23h55min.


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.