Televisão

Casseta & planeta: humoristas estreiam nova série no Multishow

Seis anos depois do fim do programa na Globo, Cláudio Manoel, Beto Silva, Hélio de La Peña, Reinaldo Figueiredo, Marcelo Madureira e Hubert Aranha voltam a atuar juntos na televisão

Por: Zero Hora
17/10/2016 - 06h01min | Atualizada em 17/10/2016 - 08h41min
Casseta & planeta: humoristas estreiam nova série no Multishow Guto Costa/Multishow,divulgação
Da esquerda para a direita: Cláudio Manoel, Beto Silva, Hélio de La Peña, Reinaldo Figueiredo, Marcelo Madureira e Hubert Aranha Foto: Guto Costa / Multishow,divulgação

Uma boa notícia para quem estava com saudade: os Cassetas estão de volta. A série Procurando Casseta & planeta, que estreia nesta segunda, às 23h15min, no Multishow, vai mostrar de forma fictícia o que aconteceu com Beto Silva, Cláudio Manoel, Hélio de La Peña, Hubert Aranha, Marcelo Madureira e Reinaldo Figueiredo depois que o programa da Globo acabou, em 2010. Serão 20 episódios, exibidos de segunda a sexta-feira.

Em formato de falso documentário, a atração é baseada em fatos irreais e, com bom humor, mostra como cada ator vive. A atriz Maria Paula fará uma participação especial.

Leia mais:
Do Balão Mágico ao Carreta Furacão: como Fofão atravessou gerações
Betty Faria revela ter doença incurável e admite fumar maconha 
Preços de cinema: confira dias e horários das salas mais baratas de Porto Alegre

Por telefone, desde o Rio de Janeiro, Beto Silva – que também é um dos roteiristas da atração – conversou com ZH e contou como foi reviver momentos com os antigos colegas.

O que motivou a série?
Há algum tempo, a gente conversava sobre a ideia de fazer um seriado, brincando e contando, de forma fictícia, o que aconteceu com a gente depois que acabou o programa. Quando apresentamos essa ideia ao pessoal do Multishow, eles adoraram. A partir daí, começamos a levar a sério e a montar, então, a história. 

Quais são as diferenças dessa nova atração em relação ao antigo Casseta & planeta: Urgente?
Nosso programa original era de esquetes, quadros, paródias, que brincavam com novelas, com a política e a atualidade. Este novo seriado é diferente. Ele conta uma história em 20 episódios, com começo, meio e fim. Não é baseada em fatos reais; é uma história que a gente conta sobre a gente. Sobre o que teria acontecido com a gente. No programa antigo, eu fazia vários personagens. Na série, só interpreto eu mesmo. 

O documentário vai mostrar o que aconteceu com cada ator. O que aconteceu com Beto Silva?
O Cláudio está bem ferrado, não tem dinheiro para nada. Em um certo dia, dois rapazes encontram ele e dizem que querem fazer um documentário sobre o Casseta & planeta. Ele acha isso muito legal, começa a acreditar que pode fazer a carreira retornar e conseguir chamar a atenção. Então, ele começa a procurar todos os outros. O primeiro que ele encontra sou eu, e também estou bem ferrado. Eu vivo de shows precários, interpretando o personagem  Acarajette Lovve. A partir daí, a gente sai a procura de todos os outros. O único que está bem de vida é o Reinaldo, que enriqueceu, de forma suspeita.  

Neste ano, a morte do Bussunda completou 10 anos. Vocês irão homenageá-lo?Na série, obviamente, o Bussunda é visto a toda hora. A gente lembra de coisas do passado. Mostramos episódios antigos em que ele aparece. Mas, neste ano, como fez 10 anos da morte, fizemos uma homenagem fora da TV com um café da manhã e futebol. Foi muito legal, cheio, muita gente apareceu. A gente tinha que fazer isso porque o Bussunda foi um Casseta e um amigo de todas as horas.

Existe uma nova geração que não conheceu o antigo Casseta & planeta: Urgente. Na sua opinião, o que eles vão achar da série?
Eles vão perceber que teve um grupo que foi bem famoso e vão ver o que aconteceu com esse grupo depois do sucesso. Na série, aparecem algumas cenas antigas mostrando o que foi o grupo. Tem até alguns depoimentos de pessoas falando sobre a gente. Acho que mesmo essa nova geração que não viu já deve ter ouvido falar pelos pais, pelas pessoas mais velhas. Então, de alguma forma, sabe que existimos. 

Deu para matar um pouco a saudade?
Foi muito bom, a gravação foi ótima, um clima super divertido. A gente se encontra sempre, mas não em gravação. Então, esse reencontro foi sensacional. Só pela gravação já valeu a pena, porque foi muito prazeroso fazer. E o resultado ficou bacana também, então, estamos ansiosos pela estreia, porque estamos achando que vai ser bem legal.

Procurando casseta & planeta
Estreia da série nesta segunda,às 23h15min.
Multishow

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.