No mercado

Duelo tricolor: Por Conca e Sobis, Grêmio disputa contratações com o Fluminense

Chegada de mais um armador e um atacante elevaria para 19 o número de reforços neste ano

05/07/2012 | 19h38
Duelo tricolor: Por Conca e Sobis, Grêmio disputa contratações com o Fluminense Montagem sobre fotos de Roberto Vinicius/AE e Diego Vara/
Rafael Sobis e Darío Conca são os principais alvos do Grêmio para a sequência do Brasileirão Foto: Montagem sobre fotos de Roberto Vinicius/AE e Diego Vara

Até 20 de julho, data de fechamento da janela de contratações para jogadores que atuam fora do país, a torcida do Grêmio irá conviver com a expectativa da chegada de mais um armador e um atacante. A direção confirma que essas são as prioridades para a sequência do Brasileirão. 

Caso sejam fechados, os negócios elevarão a 19 o número de reforços trazidos para o Olímpico em 2012. Desde o início do ano, vieram cinco zagueiros, três laterais, dois volantes, quatro meias e três atacantes. A relação inclui Sorondo, que sofreu lesão na pré-temporada e foi dispensado, e Bertoglio, devolvido ao Dinamo de Kiev.

A nova possibilidade de negócio é o meia argentino Darío Conca, ex-Fluminense, atualmente no Guangzhou Evergrande, da China. Negociado em julho por R$ 19 milhões e com salários de R$ 3 milhões, o jogador já anunciou seu desejo de retornar ao Brasil.

A exemplo do que ocorre com Rafael Sobis, o atacante pretendido pelo Grêmio, o concorrente é o Fluminense, cuja torcida invadiu as redes sociais esta semana exigindo que a direção providencie o retorno do argentino.

O executivo de futebol Paulo Pelaipe informa que Conca está sendo oferecido a clubes brasileiros por seu empresário, entre eles o Grêmio, que avalia as condições do negócio.

— É um jogador que está no mercado. Mas é certo que não irá jogar no Brasil por um salário chinês — adianta Pelaipe.

Fora dos planos do Santos, o meia Elano também pode ser alvo de interesse, por recomendação do técnico Vanderlei Luxemburgo. Quanto a Sobis, o Grêmio precisa esperar que o Fluminense esgote as tratativas com o Al Jazira, dos Emirados Árabes, para poder fazer uma oferta. A ideia é propor R$ 3 milhões de euros, cerca de R$ 7,5 milhões. 

Nos dois casos, o Grêmio precisará bancar os custos sozinho. Rafael Sobis, 27 anos, e Conca, 29, são jogadores que, por sua idade, não atraem investidores, cuja preferência é por atletas jovens, com boa possibilidade de valorização e revenda.

Até agora, os maiores gastos foram com Kleber e Marcelo Moreno, que, juntos custaram cerca de R$ 15 milhões. Os valores, pagos de forma parcelada, foram parcialmente obtidos com recursos da Rede Globo. Para trazer Moreno, o Grêmio repassou ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, a parte que ainda lhe cabia nos direitos do meia Douglas Costa.

Mesmo com as lesões de Julio Cesar, Pará e Fábio Aurélio, todos submetidos a cirurgia, a direção não anuncia interesse por outro lateral-esquerdo. O técnico Vanderlei Luxemburgo aposta no crescimento de Anderson Pico. Domingo, contra o Santos, a alternativa será a improvisação do volante Léo Gago, já que Edilson e Pico estão suspensos.


VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.