Mudança

Gauchão 2014 terá turno único e quatro classificados para o mata-mata

Presidente da FGF nega que alteração seja fruto de pressão do movimento Bom Senso F.C.

01/10/2013 | 21h44
Gauchão 2014 terá turno único e quatro classificados para o mata-mata Tadeu Vilani/Agência RBS/
Francisco Novelletto confirmou mudanças no Gauchão 2014 Foto: Tadeu Vilani/Agência RBS

O Campeonato Gaúcho de 2014 mudou de fórmula. O presidente da FGF Francisco Novelletto confirmou que a competição terá turno único e classificará as quatro melhores equipes da primeira fase às semifinais, que serão disputadas em dois jogos, assim como a final. Com as modificações, a competição utilizará quatro datas a menos do calendário — de 23 para 19 — e começará no dia 19 de janeiro, em vez do dia 12.

A mudança eliminará as taças Piratini e Farroupilha, que serviam como títulos de turno e classificavam os campeões à final do Gauchão. Contatado pela reportagem de Zero Hora, o presidente da FGF negou qualquer influência do movimento Bom Senso F.C, que pede o enxugamento do calendário, na decisão.

— Isso não tem nada a ver. Nós atendemos a um desejo antigo dos clubes e chegamos a um acordo — destacou.

A edição de 2014 seria o segundo ano de vigência da atual fórmula. O Estatuto do Torcedor determina que uma fórmula seja utilizada por no mínimo dois anos, mas Novelletto destaca que não há problema em fazer a mudança, já que as regras para o rebaixamento permanecem as mesmas:

— A pontuação para o rebaixamento já era contada sem os "matas" dos turnos. Seguirá sem qualquer modificação, então não há problema em fazer a mudança.

A tendência é que o número de clubes do Estadual seja reduzido para as próximas edições. Em 2015, 14 equipes devem participar do torneio — que iniciará em fevereiro. Um ano após, a tendência é que o Gauchão tenha 12 times.

VEJA TAMBÉM

     
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.