Sem punição

Denúncias do Gre-Nal: D'Alessandro é advertido e Grêmio absolvido por chinelo arremessado no gramado

Julgamento ocorreu na tarde desta quinta-feira no TJD

20/02/2014 | 19h23
Denúncias do Gre-Nal: D'Alessandro é advertido e Grêmio absolvido por chinelo arremessado no gramado Ricardo Duarte/
Foto: Ricardo Duarte

O Gre-Nal 399, que terminou em 1 a 1 na Arena do Grêmio, deixou alguns receios por parte das duas equipes. No decorrer da partida, um torcedor tricolor arremessou um chinelo no gramado. O ocorrido foi relatado na súmula pelo árbitro Leandro Vuaden. Já D'Alessandro, ao deixar o gramado do clássico, aos repórteres, o camisa 10 do Inter disse que o seu time foi roubado.

Nesta quinta-feira, os casos foram julgados, mas em ambos prevaleceu a impunidade. Pelo arremesso do chinelo, o Grêmio foi enquadrado no artigo 213, podendo perder o mando de campo de uma a dez partidas, correndo risco de pagar multa. No entanto, o clube foi absolvido.

O argentino foi denunciado no artigo 258 "Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código", inciso 2º, ponto II "desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar desrespeitosamente contra suas decisões", podendo pegar de uma a seis partidas. O jogador foi condenado a uma partida, mas a pena foi convertida em advertência.

VEJA TAMBÉM

     
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.