Enxuto

FGF pretende reduzir o Gauchão para 12 clubes até 2017

Fórmula para deixar o Estadual com menos clubes, no entanto, ainda não está definida

27/03/2014 | 11h14
FGF pretende reduzir o Gauchão para 12 clubes até 2017 Fernando Gomes/Agencia RBS
Presidente da FGF confirma intenção de redução no número de times na elite Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

O Gauchão com 16 clubes está com os dias contados. A partir da próxima edição do Estadual, haverá um mecanismo para reduzir o número de times na primeira divisão. A ideia da Federação Gaúcha de Futebol (FGF) é deixar a competição com 12 equipes até 2017.

A primeira alternativa era rebaixar seis clubes já em 2015 e permitir que apenas dois subissem da divisão de acesso, fazendo com que o campeonato tivesse 12 clubes já em 2016. No entanto, segundo o presidente da FGF, Francisco Novelletto, a fórmula precisa ser repetida por pelo menos dois anos por determinação do Estatuto do Torcedor. Desta forma, um novo campeonato com seis rebaixados e dois ascendentes teria que ser realizado em 2016, deixando o Gauchão com apenas oito clubes, o que é inviável.

Desta forma, a tendência é que o Gauchão dos próximos dois anos tenha quatro rebaixados, enquanto dois clubes sobem da divisão de acesso. O campeonato passaria a ter 16 clubes em 2015, 14 em 2016 e, por fim, 12 a partir de 2017.

O modelo de disputa para os próximos dois anos, enquanto o número de participantes estiver em processo de redução, será igual ao de 2014 — dois grupos, de oito e depois sete times — e os quatro melhores avançam para as quartas de final. Depois de 2017, a fórmula ainda será discutida, mas não está descartada a volta do formato com dois turnos e uma final entre os campeões, como foi entre 2009 e 2013.

Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.