Promessas para a Era Arena

Atacantes Danrley e Lucas Coelho são duas das apostas da base gremista

Jogadores de 18 anos vão disputar a Copa RS no segundo semestre

01/06/2012 | 17h15
Atacantes Danrley e Lucas Coelho são duas das apostas da base gremista Lauro Alves/Agencia RBS
À frente, Danrley e Lucas Coelho; ao fundo, Renato Camilo, Rafael Thyere e Léo Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Especialista, nos últimos anos, em formar apenas zagueiros e volantes, o Grêmio confia em reverter o quadro a partir do segundo semestre.

Os atacantes Lucas Coelho e Danrley, ambos de 18 anos, são os expoentes da nova safra criada em casa. Representam as apostas do clube para a Copa RS, que homenageia este ano o ex-presidente Hélio Dourado.

Recém chegado do Palmeiras para coordenar a categoria de base, Marco Antônio Biasotto deparou, em agosto, com o desafio de produzir jogadores de frente. Uma exigência de torcedores cansados de ver proliferar no rival goleadores como Alexandre Pato, Rafael Sobis e Leandro Damião. No Grêmio, nesse período, só vingaram jogadores de contenção, casos de Lucas, Rafael Carioca e Fernando. Desde 2007, ano do surgimento de Carlos Eduardo, nenhum atacante confirmou no grupo profissional as virtudes reveladas entre os juniores.

Também com passagem pelo Paulista, de Jundiaí, onde trabalhou na formação de Victor e Réver, Biasotto conta com uma rede de informantes que se espalha pelo país em busca de talentos, com faixa etária compreendida entre 14 e 16 anos. Junto com Minas e Goiás, o interior paulista é quem mais fornece matéria prima. O bom relacionamento com presidentes e gerentes de clubes de pequeno porte também garante a Biasotto dicas preciosas sobre em quais garotos investir.

— Nossa obrigação é abrir as portas para os talentos e fazer uma avaliação criteriosa e sem pressa — explica o coordenador.

Danrley, cujo nome homenageia o ex-goleiro, chegou ao Olímpico após fazer três gols no próprio Grêmio na Taça São Paulo, pelo Osasco. Na equipe júnior, reafirma as virtudes de goleador. Em nove partidas, marcou oito vezes.

— Tem estilo aguerrido, tão ao gosto do torcedor gaúcho — constata o coordenador técnico Rodrigo Lameira.

O catarinense Lucas Coelho já está há mais tempo no clube. Até sofrer lesão no tornozelo direito, vinha sendo utilizado com destaque em coletivos contra o time profissional. Seu empresário, Rogério Braun, o mesmo de Miralles, espera concluir com a direção, na próxima semana, a prorrogação do contrato por mais quatro anos.

Já conhecidos da torcida, os atacantes Biteco, 18 anos, e Mamute, 17, também são esperanças na Copa Hélio Dourado. Utilizados em partidas do Gauchão no início do ano, os dois voltaram para a base sob a alegação de que precisavam de sequência de jogo. O primeiro, com a precisão de suas cobranças de falta, tem aparecido bem no estadual de juniores. Mamute fez cinco gols e foi a estrela da equipe juvenil que conquistou no fim de semana o título de um torneio na Alemanha. Já está decidido que, em junho, irá reforçar o time júnior.

Para não fugir à regra, também há novos zagueiros em processo de formação no Olímpico. Um deles é Renato Camilo, 19 anos, 1m86cm, que veio do Santa Cruz-PE. O outro é o paraibano Rafael Thyere, também 19 anos, 1m90cm.

Recrutado no Olé Brasil, atual Comercial de Ribeirão Preto, o goleiro Léo é outro bom investimento para o futuro, acredita o supervisor da base Marcelo Rudolph.

A nova safra é tratada com cuidado pela direção. Convencido da qualidade dos garotos, o diretor-executivo Paulo Pelaipe é econômico nos elogios, para não despertar a cobiça de atravessadores.

— Quanto menos falar, melhor — receita.

Quem são

Nome: Léo
Posição: goleiro
Idade: 17 anos
Altura: 1m81cm
Foi envolvido na negociação que levou Leandro Lessa para o Comercial de Ribeirão Preto.

Nome: Renato Camilo
Posição: zagueiro
Idade: 19 anos
Altura: 1m86cm
Elogiado pela boa técnica, velocidade e capacidade de antecipação. Chegou a disputar alguns jogos pela equipe profissional do Santa Cruz-PE.

Nome: Rafael Thyere
Posição: zagueiro
Idade: 19 anos
Altura: 1m90cm
Eficiente na bola aérea. Bom posicionamento e tranquilidade para jogar. Veio do Paulista-SP.

Nome: Lucas Coelho
Posição: centroavante
Idade: 17 anos
Altura: 1m81cm
Veio da AABB-SC. Observado desde o início do ano nos coletivos contra os profissionais. Bom finalizador, também atua na armação das jogadas fora da área.

Nome: Danrley
Posição: centroavante
Idade: 17 anos
Altura: 1m80cm
Tem confirmado a fama de goleador que fez o Grêmio buscá-lo no Osasco logo depois da Taça São Paulo. Em nove jogos, marcou oito gols. Chute forte e estilo combativo.

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.