Olho no adversário

Barcelona-EQU e Cobreloa decidem vaga para encarar o Grêmio na Sul-Americana

Time equatoriano vive boa fase e conta com a vantagem do fator local para avançar no mata-mata

19/09/2012 | 11h24
Barcelona-EQU e Cobreloa decidem vaga para encarar o Grêmio na Sul-Americana Pedro Tapia/Photosport/AFP
Após empate sem gols no jogo de ida, Cobreloa e Barcelona decidem vaga nas oitavas de final Foto: Pedro Tapia / Photosport/AFP

Correção: Com base na divulgação do canal de TV responsável pela transmissão de Barcelona (EQU) x Cobreloa (CHI), das 11h até 19h este site informou de forma equivocada o horário da partida. Ao invés de 22h30min, o jogo ocorre a partir das 20h desta quarta-feira. O texto original já foi corrigido.

Com maior qualidade técnica e em melhor momento na temporada, o Barcelona (EQU) é o favorito para encarar o Grêmio nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Hoje, contra o Cobreloa (CHI), a partir das 20h, em Guayaquil, o time equatoriano tem a vantagem de contar com o apoio da torcida para avançar na competição após o empate sem gols no jogo de ida.

No Equador, o auxiliar técnico Emerson da Rosa será o espião gremista. Papel que coube ao colega Roger Machado no primeiro confronto, disputado no Chile. Lá, acompanhou um jogo com poucas oportunidades de gol e de equipes esforçadas, mas com qualidades limitadas.

— Foi uma partida equilibrada — avalia Roger, que prefere não comentar as qualidades dos possíveis oponentes: — Não posso dar armas para o adversário, né? — brinca.

Embora tenha perdido um pênalti no primeiro jogo do mata-mata pela Sul-Americana, o atacante Narciso Mina é um dos principais trunfos do Barcelona. O artilheiro da equipe treinada pelo argentino Gustavo Costas soma 20 gols na temporada.

Outro destaque é o meia Matías Oyola. Canhoto de intensa movimentação, o argentino de 29 anos se tornou peça chave do meio-campo equatoriano. Líder do setor defensivo, o zagueiro Perlaza, de 1m93cm, também chama a atenção pela técnica nos desarmes. A única baixa é o volante Caicedo, expulso no jogo em Calama.

Pelo lado do Cobreloa, a esperança está na dupla de ataque formada por dois baixinhos de 1m70cm: o chileno Canío e o argentino Marcos Pol. No entanto, no primeiro encontro com a defesa do Barcelona, apesar da pressão com chutes de fora da área, os dois passaram em branco. 

O momento das equipes também é contrastante. Invicto há quatro partidas, o Barcelona é um dos líderes do Campeonato Equatoriano. Enquanto isso, o Cobreloa ocupa apenas a 13ª colocação, entre 18 participantes na primeira divisão do Chile.


SUL-AMERICANA - 2ª FASE - 19/9/2012

BARCELONA (EQU)
Damián Lanza; Brayan de la Torre, Perlaza, Jayro Campos e Erazo; Gruezo, Matías Oyola, Ibarra e Arroyo; Díaz e Mina
Técnico: Gustavo Costas

COBRELOA (CHI)
Palos; Muñoz, Suárez, Roco e González; Abarca, René Lima, José Perez e Leandro Gracián; Cristián Canío e Sergio Comba
Técnico: Javier Torrente

Horário: 20h

Arbitragem: Martín Vázquez, auxiliado por Nicolás Tarán e Gabriel Popovits (trio uruguaio)

Local: Estádio Monumental Isidro Romero Carbo (Guayaquil-EQU)

O jogo no ar: o canal Fox Sports transmite ao vivo a partir das 19h30min


 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.