O quanto antes

Mahseredjian garante que time principal do Grêmio estreia antes do Gre-Nal

Para ter ritmo de jogo a tempo da estreia na Libertadores, preparador planeja individualizar os treinamentos

09/01/2014 | 12h37
Mahseredjian garante que time principal do Grêmio estreia antes do Gre-Nal Augusto Turcato/Agência RBS
"A individualização das cargas de trabalho será muito importante", diz Mahseredjian Foto: Augusto Turcato / Agência RBS

O time principal do Grêmio não fará a sua primeira partida do ano no Gre-Nal. Quem garante isso é o preparador físico Fábio Mahseredjian que começou, nesta quarta, a trabalhar no campo com os jogadores do clube.

A ideia da comissão técnica é colocar os atletas em campo pelo menos duas partidas antes do clássico do dia nove de fevereiro para que, no dia 13 do mesmo mês, quando o time estrear na Libertadores, os jogadores já tenham ritmo de jogo. A data do primeiro compromisso do ano, por ora, não pode ser confirmada.

— Pode ser que nós estreemos com o time principal já contra o Juventude (dia 2/2) ou Aimoré (26/1), para depois jogarmos o Gre-Nal. Estamos estudando isso ainda, mas não vamos chegar somente para estrear com o time principal no Gre-Nal. Com certeza será antes. O quanto não posso afirmar — disse. — Até porque ritmo de jogo não se mensura — completou.

Para conseguir isso, Mahseredjian vai individualizar as cargas de trabalho, para que cada jogador consiga, no seu ritmo, entrar na forma ideal.

— Nos dias atuais tem que acelerar o processo de treinamento, o que é difícil. Em Bento (Gonçalves) será importante porque vão treinar e descansar. Já elaboramos essa estadia e também quando chegarem aqui. Pensamos na estreia no Gauchão antes da Libertadores, pois é importante para ter ritmo de jogo e, para isso, será necessário individualizar as cargas de trabalho — afirmou, para completar:

— A individualização das cargas de trabalho será muito importante. Se alguém não estiver suportando a carga, teremos que mudar. Não posso tratá-los da mesma forma. Cada um vai correr em um ritmo diferente no ano. Os exercícios funcionais também, até para prevenir lesões musculares — completou.

Desta forma, a preservação de alguns atletas de treinos mais fortes está em pauta.

— Se observarem algum coletivo em que o jogador A,B ou C não estiver, é porque ele vai estar aquém dos outros. Isso é importante para conseguir que todos tenham condição de atuar os 90 minutos já na primeira partida no Campeonato Gaúcho — destacou.

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.