Opinião

Leonardo Oliveira: os bailes de domingo e a ambição do rival paraguaio do Grêmio

Colunista revela projeto do Guaraní para se equiparar a Olimpia e Cerro

Por: Leonardo Oliveira
19/04/2017 - 22h36min | Atualizada em 19/04/2017 - 22h36min
Leonardo Oliveira: os bailes de domingo e a ambição do rival paraguaio do Grêmio Reprodução / Twitter/clubguarani/Twitter/clubguarani
Foto: Reprodução / Twitter/clubguarani / Twitter/clubguarani  

O Guaraní, rival do Grêmio nesta quinta-feira, quer ser grande. Ou melhor, quer ser do tamanho da sua tradição. Conversei com colegas paraguaios para saber quem é esse clube centenário (é um mês mais novo do que o Grêmio) que nos últimos anos tem despontado no continente, inclusive com uma semifinal em 2015, numa trajetória em que despachou o Corinthians nas oitavas.

Leia mais:
Na casa do Rei de Copas do Paraguai, Grêmio treina e mantém mistério na escalação
Edílson pede para atuar contra o Guaraní: "Estou apto e quero jogar"
Guaraní x Grêmio: tudo o que você precisa saber para acompanhar a partida

O Aborígen, como é chamado no país do tereré, está entre os quatro mais tradicionais do país, com Olimpia, Cerro Porteño e Sportivo Luqueño. Sob a gestão de Juan Alberto Acosta, um empresário do ramo metalúrgico apaixonado pelo clube, o Guaraní recuperou espaço no futebol local. Ganhou o campeonato passado, disputa ponto a ponto com o Libertad o atual e tem uma das maiores folhas do país — algo em torno de US$ 150 mil mensais, mais ou menos o que ganha Barrios no Grêmio.

O clube, embora o bom momento, ainda vive à sobra de Cerro e Olimpia. Seus jogos, quando lotam, conseguem levar 15 mil pessoas. O plano é reformar o estádio, o Rogélio Livieres, modernizá-lo e deixá-lo apto para 20 mil pessoas. A ideia é iniciar as obras em 2018. 

Hoje, o Rogélio Livieres é mais conhecido pelos bailes no domingo. O clube aluga seu prédio social e, ali, a juventude de Assunção se esbalda na pista. O sonho do Guaraní e ter essa popularidade, também, em sua arquibancada. Embora, os bailes pareçam ser bem mais atraentes.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.