Sonhando com a final 

Novo Hamburgo quita salário de abril e projeta faturar R$ 450 mil líquidos em decisão contra Grêmio

A folha, incluídos jogadores, comissão técnica, massagistas, roupeiros, médicos e fisioterapeuta, é de R$ 178,6 mil

Por: Luís Henrique Benfica
19/04/2017 - 16h31min | Atualizada em 19/04/2017 - 16h31min
Novo Hamburgo quita salário de abril e projeta faturar R$ 450 mil líquidos em decisão contra Grêmio Carlos Macedo/Agencia RBS
Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS  

O Novo Hamburgo projeta faturar cerca de R$ 450 mil em bilheteria na partida contra o Grêmio, domingo, no Estádio do Vale. 

Baseada nessa projeção, a direção pôde pagar, nesta quarta-feira, o salário de abril. A folha, incluídos jogadores, comissão técnica, massagistas, roupeiros, médicos e fisioterapeuta, é de R$ 178,6 mil.

São aguardadas pelo menos 9,5 mil pessoas no estádio. Nem todas elas, contudo, irão pagar ingresso. É o caso dos 500 associados e conselheiros que deverão comparecer, de acordo com projeção da diretoria.

Pelo menos 150 ingressos serão distribuídos em forma de cortesia. Eles serão destinados a familiares de jogadores e patrocinadores.

O valor arrecadado nas bilheterias também sofre uma diminuição porque estudantes e idosos pagarão somente metade do ingresso. 

A despesa com o aluguel das arquibancadas móveis é de R$ 60 mil. Descontadas as taxas habitualmente pagas em jogos e o valor pago a funcionários que irão trabalhar na partida, restam entre R$ 400 mil e R$ 450 mil.

- Ainda temos que ver se a Federação vai cobrar taxa de arbitragem. Em jogos contra clubes do interior, não existia a cobrança - lembra o vice de futebol Everton Cury.

A venda de ingressos teve início nesta quarta-feira, ao preço de R$ 80 (visitantes) e R$ 70 (torcedores do Novo Hamburgo). Idosos e estudantes, que pagam metade, só poderão adquirir no dia do jogo.

- Estamos apostando em tempo bom. O Cléo Kuhn (meteorologista da RBS) disse que não vai chover. Tomara que isso se confirme - diz Cury.

Caso o clube chegue à final do Gauchão, a direção espera arrecadar valor semelhante para enfrentar as despesas iniciais na montagem do grupo de jogadores que irá disputar a Série D brasileira.  

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.