Novela sem fim

Diretor de registros da CBF afirma que nome de Oscar entrará no BID até sexta

CBF pediu novo esclarecimento para Brasília para regularizar o jogador como atleta do Inter

Atualizada em 03/05/2012 | 09h3702/05/2012 | 17h00
Diretor de registros da CBF afirma que nome de Oscar entrará no BID até sexta Alexandre Ernst/
Hoje pela manhã, Oscar treinou entre os titulares no gramado suplementar do Beira-Rio Foto: Alexandre Ernst

O nome de Oscar não entrará no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF nesta quarta-feira. O diretor de registros e transferência da CBF, Luiz Gustavo Vieira de Castro, afirma que jogador não será regularizado hoje, uma vez que ainda há "pontos a serem esclarecidos" na liminar concedida pelo jogador junto ao Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília.

LEIA MAIS:
Índio revela expectativa pelo retorno de Oscar: "Nada melhor do que ver ele voltar"
À espera da publicação do BID, Oscar treina entre os titulares no Beira-Rio

— Nós recebemos a liminar, mas estamos pedindo um esclarecimento a mais. Com o que veio do TST, do ministro Guilherme Caputo Bastos, estamos pedindo que o ministro esclareça alguns pontos a mais. Iremos acatar a decisão da Justiça. Mas o jurídico da CBF entende que tem de haver um esclarecimento maior a respeito da ordem judicial — resumiu Luiz Gustavo.

O diretor de registros da CBF declarou ainda que a entidade não está desrespeitando uma ordem da Justiça. Apenas acredita que o despacho do ministro Guilherme Caputo Bastos não é conclusivo. Ele cita, ainda, a primeira decisão do tribunal, em São Paulo, para avalizar a iniciativa da Confederação Brasileira de Futebol. Segundo Luiz Gustavo, tanto pedido de esclarecimento quanto a resposta de Brasília é feito pela internet. A resposta do TST à CBF deve estar na mão do departamento de registros em 48 horas.

— Nós pedimos esclarecimentos na vez em que o TRT (Tribunal Regional do Trabalho, em São Paulo), concedeu o ganho de causa para o São Paulo. Durou cerca de 40 dias para recebermos essa resposta. E o jogador seguiu jogando pelo Inter. A CBF vai cumprir a decisão judicial. É um problema exclusivamente técnico — declarou o dirigente da CBF.

Pela manhã, com a perspectiva de que seu nome fosse publicado no BID ainda hoje, Oscar treinou entre os titulares no coletivo promovido por Dorival Júnior. O camisa 16 segue como carta na manga do time colorado — desde que seja inscrito no Boletim Informativo Diário da CBF até sexta-feira. E, assim, poderá utilizá-lo no final de semana diante do Caxias pelas finais do Gauchão e também no dia 10, contra o Fluminense, pela Libertadores.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.