Recomeço

Inter busca título gaúcho para amenizar dor da eliminação da Libertadores

Equipe encara o Caxias às 16h deste domingo, no Beira-Rio, após 1 a 1 no primeiro jogo da final

13/05/2012 | 10h01
Inter busca título gaúcho para amenizar dor da eliminação da Libertadores Ricardo Duarte/Agencia RBS
Liberado, Oscar estará em campo neste domingo, contra o Caxias, no Beira-Rio Foto: Ricardo Duarte / Agencia RBS

É uma questão de ordem: no Beira-Rio, a palavra mais repetida pelos colorados é "recomeço". Junto com ela, vem "Brasileirão". Antes, o Gauchão. A partir das 16h deste domingo, em casa, o Inter enfrenta o Caxias pelo jogo de volta da final do Campeonato Gaúcho — três dias após a eliminação da Libertadores para o Fluminense e sete antes da estreia no Brasileiro.

Sem surpresas, Dorival Júnior deve encaminhar o time de maneira idêntica à que se apresentou quinta-feira, no Engenhão. Muriel é o goleiro. Nei e Fabrício, os laterais. Moledo e Índio, os zagueiros. O meio será composto pelo eficiente Sandro Silva, pelo argentino Guiñazu e por Tinga, além de Dátolo e Oscar. Damião compõe o ataque. D'Alessandro poderá entrar na segunda etapa.

A eliminação de quinta-feira, no Rio, abateu o grupo. Mexeu com o brio dos jogadores e revelou um Inter cabisbaixo. Transformou o Gauchão em uma obrigação ainda maior, até porque o empate em 1 a 1 no primeiro jogo, em Caxias do Sul, poderá garantir a conquista caso a decisão termine sem gols.

O Inter junta os cacos de uma eliminação precoce, que, por um lado, pode ser encarada sem estranheza devido à campanha na Libertadores — apenas duas vitórias em oito jogos. Mas injusta pelas apresentações contra o Fluminense. O Inter foi melhor em ambos os embates. Jogou mais. Sem ter sido tão eficiente quanto o time carioca.

Contra o Caxias, vale o primeiro semestre. Vale taça e a honra de começar o Brasileirão com os pés fincados no topo do Estado. Preocupado e focado apenas com o próprio Brasileirão.


FICHA TÉCNICA

Gauchão 2012 — Final

Local:
Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre

Horário: 16h

ESCALAÇÕES
INTER:
Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Índio e Fabrício; Sandro Silva, Guiñazu, Tinga, Oscar e Dátolo; Leandro Damião. Técnico: Dorival Júnior.

CAXIAS: Paulo Sérgio; Michel, Lacerda, Jean e Fabinho; Umberto, Mateus, Paraná e Wangler; Vanderlei e Caion. Técnico: Mauro Ovelha.

Arbitragem: Márcio Chagas da Silva, auxiliado por Altemir Haussman (Fifa-RS) e Marcelo Barison. O quarto árbitro será Francisco Neto e Márcio Coruja.

O jogo no ar: a RBS TV e o canal PFC 5 transmitem ao vivo. A Rádio Gaúcha abre o pré-jornada às 14h. Acompanhe o minuto a minuto em zerohora.com/esportes

Do que eles precisam?
Inter: joga por um empate sem gols para ser campeão.

Caxias: precisa vencer ou de empate a partir do 2 a 2 para levar a taça.

E se der 1 a 1 de novo?
A decisão vai para os pênaltis. Não há prorrogação.

A campanha do Inter
20 jogos
14 vitórias
3 empates
3 derrotas
45 gols marcados
15 gols sofridos
30 de saldo
75% de aproveitamento

O goleador: Leandro Damião, 10 gols

A campanha do Caxias
19 jogos
8 vitórias
6 empates
5 derrotas
23 gols marcados
17 gols sofridos
6 de saldo
52,6 % de aproveitamento

O goleador: Vanderlei, 5 gols

Ingressos

À venda nas bilheterias C, a partir das 10h, e G, a partir das 13h. Para a torcida do Caxias, a venda começa às 13h na bilheteria exclusiva aos visitantes.

Valores:
Cadeira - R$ 100
Arquibancada superior - R$ 80
Arq. inferior - R$ 60
Torcida adversária - R$ 60
Sócios Campeão do Mundo têm 50% de desconto.

Acessos

Arquibancada superior - Portões 9 e 15 (Rampas 2 e 3)
Arquibancada inferior - Portões 4, 5 e 6
Cadeira ímpar - Portão 17 (Rampas 1 e 4)
Cadeira par - Portão   23 (Rampas 1 e 4)
Torcida visitante - Portão 3

Preste atenção

Os portões 2, 7, 8 e 16 estarão fechados


 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.