Semblante mudou

Dorival reclama da quantidade de lesões e pede cautela com entrada de Fred

"Gostaria que o Fred estivesse entrando em um momento diferente", declarou o treinador

08/06/2012 | 19h22
Dorival reclama da quantidade de lesões e pede cautela com entrada de Fred Ricardo Duarte/Agencia RBS
"É necessária a troca, e o prejuízo é muito grande", disse Dorival sobre a perda de D'Alessandro e Dátolo Foto: Ricardo Duarte / Agencia RBS

Impossível não perceber o abatimento de Dorival Júnior na entrevista coletiva desta tarde, no Estádio Beira-Rio. Sem poder contar com D'Alessandro e Dátolo, o semblante do técnico mudou ao receber a notícia de que não poderia contar com seu principal jogador, ainda no gramado do Beira-Rio.

Os médicos Carlos Henrique Poisl e Paulo Rabello cruzaram o campo após o treinamento para dar-lhe a notícia de que o departamento médico iria contar com mais dois jogadores — Kleber e João Paulo já estão em fase final de recuperação.

— Quando eles vêm de dois é porque a coisa complicou — brincou Dorival ao passar pelos jornalistas e dirigir-se à sala de imprensa.

Antes de saber que não contaria com a dupla de argentinos, Dorival testou o meio-campo do Inter com Fred e Jajá na tentativa de buscar a primeira vitória fora de casa pelo Brasileirão. Na vice-liderança da competição nacional, o treinador escalou Muriel, Nei, Moledo, Índio e Fabrício, Elton, Sandro Silva, Jajá e Fred; Gilberto e Dagoberto.

D'Alessandro voltou a sentir a lesão na coxa, a mesma que o afastou dos gramadas desde a sua participação na final contra o Caxias. Dátolo ficará afastado por tempo indeterminado devido às dores no púbis.

O técnico colorado evitou reclamar a perda de seus jogadores. Preferiu passar confiança para o garoto Fred, provável titular no Engenhão, às 17h de domingo, contra o Fluminense — apesar de avisar que Marcos Aurélio também é opção para jogar na linha de três meias com Dagoberto e Jajá.

— Temos de minimizar a perda dando condições para alguns jogadores estarem em campo. É necessária a troca, e o prejuízo é muito grande — lamentou.

Com a ausência dos dois meias argentinos, Jajá receberá nova oportunidade de começar jogando como titular. Dorival garante que o jogador que retornou após período afastado por indisciplina vai ter que ganhar no campo sua vaga entre os onze que começam a partida contra o Fluminense.

— Temos de ver ele em campo, ainda é cedo para dizer que ele está bem. É uma nova oportunidade para ele e espero que ele se doe e se entregue por completo. Até mesmo para lutar por sua posição dentro de campo— prometeu.

Leia abaixo outras declarações de Dorival Júnior:

Contra o Fluminense

"Não fujo da entrada do Marcos Aurélio. São três jogadores para duas posições, mas iremos a campo com características ofensivas. O Inter em razão do acerto que vem tendo do meio para trás nossa linha de marcação com dois volantes tem sido suficiente e tem dado resultado."

Lesões

"Esse ano foi um ano atípico. Bem diferente dos anos anteriores, pelo número de problemas que vieram. Estamos longe de ter a equipe ideal, que passe confiança ao torcedor. As alterações tem dificultado sobremaneira. Mas é o trabalho e temos de buscar soluções para que venham rapidamente."

Entrada de Fred

"Gostaria que o Fred estivesse entrando em um momento diferente. É um garoto ainda, a equipe com alguma inconstância devido às alterações. E me preocupo com isso, pois é um garoto que tem um futuro brilhante pela frente. Ainda não confirmo o Fred em campo. Ontem trabalhamos com o Marcos Aurélio e ele foi muito bem. Marcos Aurélio, Fred e Jajá brigam pelas duas vagas."

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.