Turatto rechaça dores e diz que é hora do sacrifício pelo Avaí

Zagueiro é o dono da braçadeira de capitão do Leão no Estadual

09/01/2009 - 13h49min
Turatto rechaça dores e diz que é hora do sacrifício pelo Avaí Flávio Neves /
Turatto enalteceu trabalho que está sendo feito nesta pré-temporada Foto: Flávio Neves  

O zagueiro André Turatto, escolhido pelo técnico Silas para usar a braçadeira de capitão do Avaí durante o Campeonato Catarinense, afastou reclamações de dores do grupo avaiano e garantiu: o momento é de sacrificar-se pelo time. Seus companheiros da zaga, Émerson, Rafael e Leandro Bambu, estão fora dos treinos coletivos em função de dores, o que também ocorreu com o atacante Evando e o volante Bruno na manhã desta sexta-feira.

— Todos os jogadores vêm sentindo dores, estão bastante cansados, o que é normal nesta fase. Eu também sinto, mas é a hora do sacrifício, de plantar para que no Estadual possamos colher os frutos desta empreitada — destacou o novo capitão.

Sobre a escolha do técnico, Turatto afirmou que capitanear o grupo não era um objetivo pessoal seu. Mas vê com bons olhos e com gratidão o respeito que conquistou em apenas quatro meses no Avaí.

— Isto não era um objetivo pessoal. Se o Silas tem confiança em mim e o grupo tem o respeito necessário para esta função, eu agradeço e espero poder ajudar me empenhando ao máximo e dando exemplo de como se comportar em campo, com muita vontade, que a nossa torcida e a nossa equipe exige. Farei isso com muita dedicação.

Turatto enalteceu os reforços contratados pelo Avaí para 2009 e destacou que o empenho do grupo nesta pré-temporada será determinante para o primeiro semestre da equipe, que disputa o Catarinense e a Série A.

— Os jogadores que chegaram têm muita qualidade. Temos que enaltecer o trabalho que vem sendo feito, a dedicação de todos nesta pré-temporada, que será determinante para as nossas conquistas neste primeiro semestre.

Coletivo no frio de Gramado

A manhã desta sexta-feira foi de muito chuva e frio em Gramado (RS). Os jogadores fizeram um coletivo em gramado pesado e o time principal venceu por 4 a 1, com gols de Davi (2), William e Thiaguinho. Pelo outro lado, quem marcou foi novamente o lateral Felipe, garoto de 18 anos que joga no sub-20 de Maragatos (time amador de Gramado), e que deve retornar a SC com o grupo avaiano por ter se destacado já no primeiro coletivo da temporada.

Notícias Relacionadas

09/01/2009 | 11h22

Lesionado, Valber está fora do Fluminense e retorna ao Avaí

Meia fez exames e ficou constatada lesão no púbis

09/01/2009 | 07h10

Silas compara treinamento exaustivo do Avaí ao do Bope

Preparador físico Emerson Buck é o Capitão Nascimento do Leão

08/01/2009 | 20h01

Válber, ex-Avaí, lesiona-se e pode ser dispensado pelo Flu

Meia foi apresentado nas Laranjeiras há apenas quatro dias

08/01/2009 | 16h08

Silas escolhe Turatto como capitão do Avaí no Catarinense

Zagueiro assume posto de Batista, que acertou com o Botafogo

08/01/2009 | 10h36

Garoto de Gramado surpreende Silas e deve voltar a SC com o Avaí

Lateral Felipe foi chamado para compor o grupo no primeiro coletivo e marcou gol

07/01/2009 | 20h39

Avaí goleia Ypiranga-PE e segue vivo na Copa SP

Com vitória, Leão subiu para segundo lugar do grupo

07/01/2009 | 14h24

Preparador do Avaí diz que físico será determinante neste Catarinense

Prioridade do Leão até agora na pré-temporada é o preparo físico

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.