Coritiba é punido com perda de 30 mandos de campo e multa pesada

Barbárie promovida pela torcida custa caro ao clube no STJD

15/12/2009 | 22h21
Coritiba é punido com perda de 30 mandos de campo e multa pesada Divulgação, Coritiba/
Estádio Couto Pereira está interditado pela CBF Foto: Divulgação, Coritiba

O Coritiba foi punido com a perda de 30 mandos de campo e multa de R$ 610 mil pela barbárie promovida pela torcida após o jogo contra o Fluminense, no dia 6 de dezembro, que determinou o rebaixamento do time à Série B do Campeonato Brasileiro. O julgamento foi realizado na noite desta terça-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio.

O clube foi denunciado três vezes no artigo 213 (deixar de tomar medidas capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto). Uma pela invasão de campo, outra pelo tumulto e a terceira pelos objetos arremessados no gramado. Para cada uma, recebeu a pena máxima de 10 jogos de perda de mando. O julgamento durou mais de três horas. Ao final, a defesa protestou contra a punição pesada.

— Achei um absurdo. Sabíamos que a absolvição seria praticamente impossível, mas uma punição de 30 partidas não era esperada — declarou o advogado José Mauro do Couto Filho.

À perda de mando de campo, soma-se uma multa de R$ 200 mil para cada punição no artigo 231. O clube também foi punido no artigo 211, que trata da segurança de eventos esportivos e prevê multa de R$ 10 mil, totalizando R$ 610 mil. Por outro lado, foi absolvido no artigo 233. Um funcionário do Coritiba envolvido no tumulto e reconhecido pelas câmeras, Osvaldo Dietrich, foi condenado no artigo 184 e suspenso por 720 dias do futebol.

O Coritiba pode recorrer da decisão. Mas como o STJD está entrando em recesso para as festas de final de ano a partir desta quarta-feira, um novo julgamento deve ser realizado apenas em 2010. Até lá, o estádio permanecerá interditado pela medida cautelar impetrada pela Procuradoria do STJD. Se for mantida, a punição será cumprida apenas em competições organizadas pela CBF, como a Série B do Brasileirão e a Copa do Brasil.

Notícias Relacionadas

13/12/2009 | 21h16

Torcida do Coritiba abraça estádio Couto Pereira em ato simbólico

Objetivo foi mostrar apoio ao clube, mesmo após a queda para a Série B

12/12/2009 | 13h20

Suspeitos de envolvimento em pancadaria após jogo no Paraná são detidos

Briga começou em estádio, no domingo, e tomou as ruas de Curitiba

11/12/2009 | 17h36

Comissão de juristas prepara defesa do Coritiba no STJD

Grupo liderado pelo advogado Renê Dotti tentará minimizar possíveis penas impostas ao clube por incidentes no Couto Pereira

10/12/2009 | 17h47

Coritiba pode perder até 30 mandos de campo

Clube será julgado pelo STJD na próxima terça-feira

10/12/2009 | 16h

Federação Paranaense de Futebol realiza vistoria no Couto Pereira

Coritiba corre o risco de não poder mandar seus jogos no estádio

08/12/2009 | 15h27

Polícia prende mais um invasor do Couto Pereira

Detido foi localizado graças a denúncias de pessoas que o reconheceram em fotos e vídeos

08/12/2009 | 03h52

Árbitro descreve a selvageria em Curitiba

Gaúcho Leandro Vuaden viu de perto a confusão no Couto Pereira

07/12/2009 | 19h25

Couto Pereira será interditado por tempo indeterminado

Coritiba também pode receber multado de até R$ 210 mil

06/12/2009 | 22h35

Quatorze pessoas são atendidas em hospitais após confusão no Couto Pereira

Briga envolveu torcedores do Coritiba e policiais militares neste domingo

06/12/2009 | 21h14

Policial é baleado do lado de fora do Couto Pereira

Ainda não se sabe de onde partiu o disparo

06/12/2009 | 20h31

Torcedores do Coritiba entram em confronto com a polícia

Pedaços de madeira, pedras e até tripés das emissoras de rádio e de televisão foram usados no confronto

06/12/2009 | 19h18

Coritiba empata com Fluminense e disputará a Série B em 2010

Tricolor arranca empate heroico no Sul e Coxa cai no ano do centenário

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.