Violência

Confronto de torcidas em Fortaleza deixa seis feridos

Segundo a polícia local, cerca de cem torcedores se envolveram em briga

09/03/2014 | 18h14

Um confronto de torcidas em Fortaleza deixou seis feridos neste domingo. Duas horas antes da partida entre Ceará e Fortaleza, pelo Campeonato Cearense, cerca de cem torcedores iniciaram pancadaria na Avenida Coronel Carvalho, distante cerca de 15 km da Arena Castelão, estádio do jogo.

Os feridos não foram identificados, e dois foram atingidos por balas de fogo e os outros quatro, por pedradas. A barbárie terminou após interferência do Batalhão de Choque da Polícia local, que dispersou a multidão mas não registrou prisões até a tarde deste domingo.

O Hospital Distrital Evandro Ayres de Moura, conhecido como Frotinha, abrigou todos os feridos no confronto. A unidade de saúde fica no bairro Antonio Bezerra, próximo do local do confronto. Por conta do ambiente já tenso que antecedia o Clássico-Rei, o policiamento foi reforçado na região.

Este é mais um exemplo da falta de segurança que antecede grandes jogo no Nordeste em 2014. Nos clássicos entre ABC e América-RN, na inauguração da Arena Dunas, no final de janeiro, e no confronto entre Sport e Santa Cruz da última quinta-feira, o cenário de barbárie se repetiu.

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.