Em Wembley

Arsenal bate o City e conquista a Supercopa da Inglaterra

Time de Londres foi campeão do torneio pela 13ª vez

10/08/2014 | 13h06
Arsenal bate o City e conquista a Supercopa da Inglaterra CARL COURT / AFP/
Foto: CARL COURT / AFP

A Supercopa da Inglaterra é o jogo que abre oficialmente a temporada inglesa e opõe campeão inglês e detentor da Copa da Inglaterra. Normalmente, é disputado em caráter amistoso, mas serve para os principais times da Terra da Rainha darem uma prévia do que pode vir na campanha.

E, se a decisão deste domingo disse algo, é que o Arsenal finalmente parece pronto para disputar grandes títulos. A vitória sobre o Manchester City por 3 a 0 foi animadora para o torcedor — pelo domínio sobre o poderoso campeão inglês, pelos golaços e pela boa estreia dos reforços. A 13ª taça levantada pelo time de Wenger também ajuda na animação.

No caso do Manchester City, apesar do placar elástico, o sinal amarelo ainda não precisa ser ligado. Afinal, o time estava recheado de jogadores reservas, casos do goleiro Caballero, da lateral-direita (Clichy foi improvisado) e da zaga. Por outro lado, a atuação fraca de Yaya Touré, ainda sem ritmo de jogo, é causa para preocupação. O volante Fernando, grande contratação dos Citizens até agora, teve estreia discreta, ainda sentindo o pouco entrosamento com os novos companheiros.

O Arsenal dominou a partida e marcou dois bonitos gols no primeiro tempo, com Cazorla e Ramsey, este o último o herói do título da FA Cup. Quando o City ensaiou uma reação com bons momentos de Jovetic, o francês Giroud soltou uma bomba do meio da rua e surpreendeu Caballero, adiantado.

Os Gunners tiveram apenas 45 minutos de Alexis Sánchez, principal reforço do clube para a nova temporada e Özil, craque do time, nem jogou. O garoto Chambers, lateral-direito de origem, fez bom jogo como zagueiro, assim como o francês Debuchy na lateral.

ARSENAL 3x0 MANCHESTER CITY, SUPERCOPA DA INGLATERRA

ARSENAL: Szczesny, Debuchy, Koscielny (Monreal - Intervalo), Chambers e Gibbs; Arteta, Wilshere (Flamini - 23' do 2º tempo) e Ramsey (Campbell - 40' do 2º tempo); Alexis Sánchez (Oxlade-Chamberlain - Intervalo), Cazorla (Rosicky - 25' do 2º tempo) e Sanogo (Giroud - Intervalo). Técnico: Arsène Wenger.

MANCHESTER CITY: Caballero, Clichy, Boyata, Nastasic e Kolarov (Richards 31' do 2º tempo); Fernando, Yaya Touré (Zuculini - 15' do 2º tempo), Navas (Sinclair - 39' do 2º tempo) e Nasri (Silva - Intervalo); Jovetic e Dzeko (Milner - 15' do 2º tempo). Técnico: Manuel Pellegrini.

GOLS: Cazorla (21' do 1º tempo), Ramsey (42' do 1º tempo) e Giroud (15' do 2º tempo)

Local: Wembley, Londres (ING)
Data/Hora: 10/08/2014 – 11h
Árbitro: Michael Oliver (ING)
Público: 71.523 presentes
Cartão Amarelo: Fernando (MCI)

*LANCEPRESS

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.