Classificado

Cruzeiro vence o Botafogo e avança às quartas de final da Copa do Brasil

Equipe mineira fez 1 a 0, com de Bruno Rodrigo, em jogo disputado no Mineirão

Por: Lancepress
22/09/2016 - 00h05min
Cruzeiro vence o Botafogo e avança às quartas de final da Copa do Brasil Washington Alves / Light Press/Cruzeiro/Light Press/Cruzeiro
Foto: Washington Alves / Light Press/Cruzeiro / Light Press/Cruzeiro

O Cruzeiro avançou às quartas de final da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, a equipe do técnico Mano Menezes venceu o Botafogo por 1 a 0 no Mineirão e garantiu um lugar na próxima fase da competição. O início de jogo foi bem monótono. Apesar do domínio da equipe mandante, o primeiro lance de perigo foi somente aos 16 minutos, e com Salgueiro, do Glorioso. E a emoção continuou faltando até que Ábila deu um carrinho bizarro em Helton Leite. Longe de ser bonito, foi, ao menos, inusitado.

Mas a pressão celeste se intensificou. Ábila, após 27 minutos, chutou por cima após cruzamento da esquerda. Da direita, aos 31, Elber achou Manoel, que também jogou para fora. Só que aos 36, Arrascaeta cobrou escanteio e Bruno Rodrigo acertou o canto esquerdo de Helton Leite. O goleiro "catou cavaco" e não conseguiu chegar. Antes do fim da etapa, Leandrinho chutou por cima, aos 37.

Leia mais
Palmeiras perde com reservas na Paraíba, mas vai às quartas de final da Copa do Brasil
Atlético-MG busca empate em 2 a 2 com a Ponte Preta e avança na Copa do Brasil
Nos pênaltis, Grêmio supera Atlético-PR e avança na Copa do Brasil

O Botafogo voltou melhor para o segundo tempo. Quando o cronômetro marcava quatro minutos, o lateral-direito Diego fez boa jogada e a bola sobrou para Luis Henrique. O chute, porém, foi torto.

Aos poucos, a Raposa foi voltando ao jogo. Aos 25, Rafinha pegou a sobra de um cruzamento e chutou rasteiro. A bola foi para fora. Aos 27, Edimar cobrou falta no travessão, e o goleiro só observou. Nem parecia que o time de General Severiano é quem precisava da vitória. Lucas cruzou aos 33 minutos e Willian cabeceou com perigo.

Com as vidas das equipes na competição já definidas há muito tempo, pouco mais se viu do que trocas de passes que chegassem à área ofensiva. Esperavam o apito final.

*LANCEPRESS

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.