Adeus

Yaya Touré anuncia aposentadoria da seleção da Costa do Marfim

Touré já foi o melhor jogador africano quatro vezes

Por: AFP
20/09/2016 - 13h19min | Atualizada em 20/09/2016 - 13h19min
Yaya Touré anuncia aposentadoria da seleção da Costa do Marfim ISSOUF SANOGO/AFP
Touré defendeu a seleção nacional por 14 anos Foto: ISSOUF SANOGO / AFP

O marfinense Yaya Touré, quatro vezes eleito melhor jogador africano do ano, anunciou nesta terça-feira sua aposentadoria da seleção e não jogará mais pela Costa do Marfim.

"Escrever este comunicado é provavelmente o jogo mais difícil da minha vida. Depois de quatorze anos no mais alto nível com os 'Elefantes', tenho certeza de que este é o momento adequado", afirmou no Twitter o jogador do Manchester City, de 33 anos e 113 jogos pela seleção.

Leia mais:

Ex-jogador do PSG critica Ronaldinho: "Não treinava nenhum dia da semana"
Dominação do Bayern preocupa times da Alemanha, que estudam mata-mata
Gabigol marca golaço em treino da Inter de Milão

Touré estreou com a camisa da Costa do Marfim em 2004.

"Cheguei ao fim de minha aventura com a Costa do Marfim. Devo passar a missão aos mais jovens", acrescentou.

Touré, que fez parte da geração dourada da Costa do Marfim, junto com Didier Drogba, o irmão Kolo Touré e Gervinho, afirmou que apesar de todas as conquistas com os clubes que defendeu, incluindo a Liga dos Campeões com o Barcelona em 2009, foi o título da Copa Africana de Nações, em 2015, o primeiro do país desde 1992, que mais marcou sua carreira.

"É verdade que tenho vários titulo a nível de clubes. Joguei, na Bélgica, Ucrânia, Grécia, França e Espanha e pude ganhar a Liga dos Campeões com o Barça em 2009 e também na Inglaterra, onde sigo jogando", explicou.

"Com os Elefantes, foi mais especial. Aprendi a ganhar pelo meu país. É por isso que mantenho o orgulho de ter conquistado quatro Bola de Ouro africanas com a Costa do Marfim", concluiu.


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.