Liga dos Campeões

Messi marca três vezes, e Barcelona goleia o Manchester City

Resultado fez os espanhóis dispararem na liderança do Grupo C

Por: Lancepress
19/10/2016 - 18h47min | Atualizada em 19/10/2016 - 20h33min
Messi marca três vezes, e Barcelona goleia o Manchester City LLUIS GENE/AFP
Foto: LLUIS GENE / AFP

O que estaria pensando o técnico Pep Guardiola ao ver Messi em campo? Admiração, respeito ou medo? Antes de enfrentar o Barcelona, o técnico do Manchester City se disse feliz por vê-lo em campo. Durante 90 minutos, o argentino "retribuiu" à gentileza do ex-mestre e destroçou os ingleses, anotando três gols da vitória dos catalães por 4 a 0, nesta quarta-feira, no Camp Nou, pela terceira rodada do Grupo C da Liga dos Campeões da Europa. Neymar completou o suplício do ex-técnico e ídolo do Barcelona.

Em duas visitas ao Camp Nou como adversário do Barça, Guardiola guarda sete gols sofridos (cinco de Messi). Além disso, ele não viu o Manchester City nem o Bayern de Munique balançarem as redes rivais. A noite será longa para o badalado comandante dos Citizens.

Leia mais:
Na França, Juventus supera o Lyon por 1 a 0
Leicester faz 1 a 0 e segue 100% na Liga dos Campeões 
Real Madrid vence e divide a liderança do grupo com o Borussia Dortmund

Mais próximo das oitavas de final, o Barça dispara na liderança da chave, com nove pontos, deixando o Manchester City a ver navios, com quatro. 

No primeiro tempo, Barcelona e Manchester City pareciam times com a mesma proposta. Pressionar a saída de bola, adiantando a marcação o máximo possível. Os rivais souberam sair das armadilhas adversárias e ficaram iguais neste aspecto, em um clássico bem movimentado.

O Barça tinha Messi, que contou com uma infelicidade de Fernandinho para abrir o placar. O atacante argentino tocou para Iniesta. A bola foi bloqueada pela zaga inglesa e ficaria com o volante do City se ele não escorregasse. Com o caminho livre, o camisa 10 do Barça passou por Bravo e completou.

Para a infelicidade dos donos da casa, o técnico Luis Enrique foi obrigado a gastar duas alterações ainda no primeiro tempo. O City começou a gostar mais do jogo, acertar o meio de campo até contar com a melhor chance para empatar. Gündogan passou pelo lesionado Piqué e chutou cruzado. Ter Stegen espalmou de forma sensacional.

O time da casa também não ficaria apenas se defendendo. Bravo respondeu à intervenção do ex-companheiro alemão tirando com o pé esquerdo um gol de Suárez. No entanto, no início da segunda etapa, o chileno saiu errado e teve de colocar a mão fora da área para não ser encoberto pelo atacante uruguaio. O City ficaria com menos um (Nolito) no momento em que era superior no Camp Nou. 

A expulsão de Bravo foi letal para o City. O Barça passou a robar a bola no campo de defesa dos Citizens. Messi, da entrada da área, jogou no canto de Cabellero e fez o segundo. Suárez, aproveitando erro grosseiro do zagueiro Stones, rolou para o argentino consolidar o hat-trick e a goleada.

A sequência de dois cartões amarelos do zagueiro Mathieu igualou em números as equipes, mas não tirou do Barcelona o controle sobre a partida até o apito final. Em clima de fim de feira, Neymar ainda perdeu um pênalti. Mas, no lance seguinte, desmoralizou a defesa do City e se redimiu com um belo gol para encerrar o clássico.

*LANCEPRESS


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.