Apito

Relembre cinco polêmicas recentes envolvendo Sandro Meira Ricci

Árbitro entrou em declínio após representar o Brasil na Copa do Mundo

Por: ZH Esportes
18/10/2016 - 22h24min
Relembre cinco polêmicas recentes envolvendo Sandro Meira Ricci Mauro Vieira/Agencia RBS
Foto: Mauro Vieira / Agencia RBS

Representante da arbitragem brasileira na Copa do Mundo de 2014, Sandro Meira Ricci, 41 anos, acumula erros recentes que sustentam a tese de que sua carreira entrou em declínio. A confusão provocada por ele próprio no Fla-Flu da semana passada é apenas uma das tantas falhas e polêmicas que se envolveu recentemente.

Leia mais:
CBF coloca resultado de Fla-Flu sub judice e tira pontos do Flamengo na tabela
Relembre outros casos de partidas que foram impugnadas no Brasil
Figueirense pede anulação da partida com o Palmeiras ao STJD

Relembre outros cinco momentos em que o nome do mineiro ganhou as manchetes:

Período sabático

Depois de representar a arbitragem brasileira na Copa do Mundo, em 2014, Ricci pediu licença do quadro da CBF por estar estressado. Pegou mal. Para o ex-árbitro Arnaldo Cezar Coelho, o momento foi inoportuno, já que o Brasileirão estava no fim.

Flamengo 2 x 3 Fluminense

Foto: BRUNO HADDAD / FLUMINENSE, DIVULGAÇÃO

Outro Fla-Flu. No Brasileirão de 2015, Pará disputou uma bola na área com Fred. Para muitos, choque normal. Para Ricci, pênalti para o Fluminense, que fez diferença no resultado final.

São Paulo 2 x 0 Corinthians

Foto: Nelson Almeida / AFP

Libertadores de 2015. Outro clássico. Desta vez, São Paulo e Corinthians. Em um lance, o zagueiro são-paulino Rafael Tolói deu um pisão em Sheik. O atacante caiu na provocação e foi expulso. O defensor saiu ileso.

Chile 1 x 0 Uruguai

Foto: Claudio reyes / AFP

Em escala internacional, Ricci foi protagonista de erro grave na Copa América de 2015. Durante Chile e Uruguai, pelas quartas de final, o chileno Jara deixou de lado o fair play e provocou o uruguaio Cavani com uma "mão boba". Irritado, o atacante revidou, recebeu amarelo e, pelo segundo cartão, foi expulso. O Uruguai foi eliminado. O árbitro virou vilão da Celeste.

Grêmio 1 x 2 Vitória

Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

O Grêmio não escapou de uma trapalhada de Ricci. Neste Brasileirão, na Arena, o juiz viu pênalti inexistente de Bressan em Dagoberto. Resultado: expulsão do zagueiro pelo segundo amarelo, gol do Vitória e derrota por 2 a 1.

*ZHESPORTES


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.