Escalado continental

Após quase 50 anos, Sevilla busca vaga nas quartas da Champions

Atual tricampeão da Liga Europa, time espanhol enfrenta o Leicester pelas oitavas de final da Liga dos Campeões

21/02/2017 - 14h51min | Atualizada em 21/02/2017 - 19h19min
Após quase 50 anos, Sevilla busca vaga nas quartas da Champions CRISTINA QUICLER/AFP
Equipe comandada pelo argentino Jorge Sampaoli vive grande fase na temporada Foto: CRISTINA QUICLER / AFP  

O Sevilla de Jorge Sampaoli buscará nesta quarta-feira contra o Leicester, às 16h45min, na partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, uma vitória que permita ao clube espanhol se aproximar de uma histórica classificação às quartas de final da competição.

A equipe andaluz não figura entre os oito melhores do continente desde que estreou na competição na temporada 1957/1958, quando foi derrotada nas quartas pelo Real Madrid (8x0 e 2x2).

— É o que falta, porque não conseguimos. Não fomos capazes de passar às quartas de final. Há muita esperança, há um ambiente e uma ambição de poder conseguir essa tão esperada classificação para ficar entre os oito melhores da Champions, o que seria um passo a mais no crescimento do clube — declarou o diretor esportivo do Sevilla, Ramón Rodríguez, o Monchi.

— É uma eliminatória difícil. Enfrentar um rival que ganhou um campeonato tão importante como a Premier League no ano passado e que vem de marcar quatro gols contra o Manchester City — alertou nesta terça-feira Jorge Sampaoli, em coletiva de imprensa.

"Adversário muito rigoroso"

— O Leicester está sofrendo um pouco, quando no ano passado teve mais certezas do que dúvidas, mas é isso, na Champions passou facilmente em primeiro de seu grupo. É um confronto de dois jogos e será um adversário muito rigoroso para nós — insistiu o técnico argentino.

Após cinco títulos na Liga Europa, os três últimos consecutivos, o Sevilla, sob as ordens de Sampaoli nesta temporada, sonha em dar um passo a mais na esfera continental, enquanto vive grande momento na Liga Espanhola, na qual é o terceiro colocado, a três pontos do líder Real Madrid.

O Sevilla chega ao duelo desta quarta-feira no Ramón Sánchez Pizjuán vindo de vitória por 2 a 0 sobre o Eibar, no sábado, e enfrentará no próximo sábado o dérbi andaluz contra o arquirrival Betis.

Sampaoli poderá contar com seus principais jogadores para a partida contra o Leicester, com exceção do argentino Gabriel Mercado, suspenso, e Nico Pareja, que não se recuperou a tempo de uma lesão muscular.

O técnico argentino conta com o resto do elenco e, contra o Leicester, apostará novamente na qualidade dos franceses Samir Nasri e Wissam Ben Yedder.

Leicester em má fase

Do outro lado do campo estará o Leicester, que, após conquistar o título inglês no ano passado, passa por situação muito delicada nesta temporada da Premier League, flertando perigosamente com a zona de rebaixamento.

Contudo, os Foxes se classificaram sem problemas às oitavas de final da Liga dos Campeões pela primeira vez em sua história, terminando na primeira colocação de seu grupo com quatro vitórias, um empate e uma derrota.

Além da má fase na Premier League, o Leicester também tropeçou na Copa da Inglaterra, sendo eliminado no sábado pelo Millwall, da 3ª divisão, nas oitavas de final da competição.

— Agora precisamos lutar em cada jogo. Preciso de soldados, preciso de gladiadores. O Millwall com 10 jogadores mostrou que tem gladiadores fantásticos — lamentou o técnico Claudio Ranieri após a recente eliminação, de olho no duelo com o Sevilla.

O técnico italiano não poderá contar em Sevilha com o zagueiro Molla Wagué, lesionado no ombro na partida contra o Millwall.

Prováveis escalações

Sevilla: Sergio Rico; Mariano, Rami, Lenglet e Escudero; N'Zonzi, Nasri; Vitolo, Franco Vázquez e Jovetic; Ben Yedder.
Técnico: Jorge Sampaoli (ARG).

Leicester: Schmeichel; Simpson, Huth, Morgan e Fuchs; Drinkwater, Ndidi, Albrighton e Mahrez; Vardy e Slimani.
Técnico: Claudio Ranieri (ITA).

Árbitro: Clément Turpin (FRA).

*AFP

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.