Canoagem

Caxienses participam de Sul-Americano na Colômbia

Isadora Ribeiro, Débora Garcia, Sílvia Portella e Marcos Scolaro estarão remando e representando o Brasil no campeonato

Por: Pioneiro
19/04/2017 - 14h22min | Atualizada em 19/04/2017 - 14h22min
Caxienses participam de Sul-Americano na Colômbia Vanessa Pedroso/Divulgação
Débora Garcia (E), Sílvia Portella (de chapéu) e Isadora Ribeiro (ao fundo) vão remar na colombiana Paipa Foto: Vanessa Pedroso / Divulgação  

Será disputado desta quarta até domingo, na cidade de Paipa, na Colômbia, o Sul-Americano de Canoagem de Velocidade Júnior e Sênior e Paracanoagem. O Brasil será representado por quatro atletas nas categorias de base no feminino e três são caxienses: Isadora da Rosa Ribeiro, 17 anos, Débora Coelho Garcia, 14, e Sílvia Letícia Portella, 15. O trio faz parte da equipe da Associação Caxiense de Esportes Náuticos (Acen). A quarta integrante será Emilly Schellworth, 17, da cidade de Cascavel (PR). As vagas foram conquistadas na Copa do Brasil de Canoagem, realizada em março, na cidade de Curitiba.

— Para a equipe de Caxias, é o resultado do nosso trabalho que vem dando certo. Para elas, é um momento de destaque nacional e uma possibilidade de competir em um campeonato internacional. É um sonho de atleta que está se realizando – acredita o técnico da equipe caxiense, Jonatan Maia.

Empolgação não falta para as meninas. Na sua primeira competição internacional, Débora Garcia tem a expectativa de bons resultados e até medalhas.

— Esta é a primeira vez que participo de uma competição assim e tenho certeza que a experiência vai ser boa. Espero dar o meu melhor e trazer uma medalha – destaca Débora.

Tanto ela quanto Isadora começaram suas primeiras incursões na canoagem através do projeto social e de iniciação esportiva Remadas Solidárias.

– Quando éramos alunas do projeto, ficávamos assistindo a equipe principal de competições treinar. Agora, fazemos parte dela e isso é um sonho — diz Isadora.

O programa de iniciação esportiva atende crianças de várias escolas no turno inverso ao das aulas curriculares. Mesmo sendo a terceira edição, já rende bons frutos.

— O projeto Remadas não tem essa função de formar atletas, mas tem aqueles que se destacam e recebem a oportunidade de fazer parte de uma equipe. Ficamos felizes com o resultado que ele vem apresentando e o que está oportunizando para esses jovens — afirma Jonatan Maia, que também é supervisor do projeto.

No masculino

Outro canoísta natural de Caxias do Sul estará competindo na Colômbia. Ex-atleta da equipe caxiense, Marcos Scolaro, 18 anos, treina há três anos em Curitiba, com a seleção brasileira permanente, e vai representar o país na categoria júnior.

Antes de viajar para a competição na Colômbia, todos os integrantes da seleção participaram de uma fase de treinamentos na capital paranaense.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.