Incerteza

Com problemas pessoais, Germaine de Randamie pode abandonar título do UFC

Aposentadoria da holandesa chegou a ser cogitada

Por: ZH Esportes
16/05/2017 - 15h17min | Atualizada em 16/05/2017 - 15h17min
Com problemas pessoais, Germaine de Randamie pode abandonar título do UFC UFC / Divulgação/Divulgação
Holandesa conquistou o cinturão em fevereiro Foto: UFC / Divulgação / Divulgação  

A situação da categoria peso pena feminino está em aberto no UFC. A campeã inaugural, Germaine de Randamie, vive problemas pessoais não revelados e cogita abandonar o cinturão. A aposentadoria chegou a ser especulada, mas Brian Butler, agente da lutadora, negou esta possibilidade.

— Ela tem problemas em casa e coisa acontecendo na academia de polícia (a lutadora é policial). O UFC está ciente disto, e nós estamos trabalhando em função disto. É tudo o que posso dizer no momento — disse Butler, em entrevista ao site MMA Junkie.

Leia mais:

GSP recusa luta com Anderson Silva: "Não é mais o mesmo"
Woodley elogia Demian Maia, mas mantém cautela sobre luta pelo título
UFC desiste de esperar por GSP e fará disputa entre Bisping e Romero

Inicialmente, a favorita para disputar o cinturão da categoria era a brasileira Cris Cyborg. No entanto, ela passava por um período de recuperação devido a um corte de peso recente quando o UFC optou por abrir a disputa. Com isso, Randamie e Holly Holm fizeram a disputa inaugural — e a holandesa venceu por decisão unânime em fevereiro.

O futuro da categoria está indefinido. Existe a possibilidade de Cyborg enfrentar Cat Zingano no UFC 214, em 29 de julho. Contudo, a americana recentemente sugeriu a criação de um torneio da categoria para definir uma eventual nova campeã. Pelo Twitter, ela indicou possíveis semifinais — Cris Cyborg x Megan Anderson e Cat Zingano x Cindy Dandois. Desafiante na primeira disputa, Holly Holm voltou para a categoria peso galo e enfrentará a brasileira Bethe Correia dia 17 de junho, na luta principal do UFC Fight Night 111.