De fora da área

Gelson Tadeu Oliveira Pires: "Vamos sair desta, colorado"

Conselheiro e ex-dirigente do Inter pede paciência do torcedor, lembrando que o clube, ao longo do tempo, deu muito mais alegrias do que desgostos aos seus fãs

24/07/2017 - 06h00min | Atualizada em 24/07/2017 - 06h00min


Os últimos tempos têm sido duros para nós, colorados. O rebaixamento nos colocou em um ambiente pantanoso, ao qual não estamos acostumados. Fomos um dos últimos clubes grandes do país a ter de encarar esta situação, o que nos deixa muito incomodados. 

Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Pouco importa agora que outros times já frequentaram duas, três vezes a Série B antes de nós. O drama agora é nosso, e temos de encará-lo.Há, porém, um sentimento entre os nossos torcedores ao qual não concordo. 

Leia mais:
Otavio Rojas: a torcida do Inter não quer atos de vandalismo
Marcelo Nobre: ensaio sobre a cegueira colorada

De repente, parece que todos esqueceram da história recente grandiosa do Inter e de todas as alegrias que este clube nos deu até há bem pouco tempo. Parece que, para alguns colorados, só interessa este momento ruim que vivemos em 2017. E tudo que conquistamos não serve mais pra nada.

Em todo este período, posso dizer com todas as letras: o Inter me deu muito, mas muito mais alegrias do que desgostos. O Inter é o primeiro clube a aceitar a todos sem fazer discriminação, é o maior vencedor de títulos gaúchos, o maior vencedor dos confrontos diretos com o adversário da Capital, o único campeão brasileiro invicto, o único clube da América do Sul a ser sede de duas Copas do Mundo, o primeiro a alcançar a marca de 100 mil sócios, o único campeão mundial reconhecido pela Fifa no Estado.

Por que então, diante de tantas glórias, devemos baixar a cabeça agora? Evidentemente estamos chateados com o que vem acontecendo nos últimos tempos, mas precisamos confiar no DNA vencedor deste clube. Vamos sair desta. Conquistamos a América, vencemos o poderoso Barcelona, dominamos o mundo, erguemos um estádio nosso sobre um rio. 

O Inter superou a tudo e a todos e alcançou o topo.Precisamos confiar, ter fé e buscar apoiar o nosso Inter neste momento difícil, retribuindo um pouco o que ele nos deu. É hora de apoio, de compreensão e de união dos colorados. Erga a cabeça, pense no que já passamos de positivo e tenha a convicção de que é apenas uma nuvem passageira. Logo, logo estaremos no lugar que nos pertence: entre os maiores. Viva o Inter.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.