Guerra Total

Guerrinha: "A corrida gremista será para recuperar o seu camisa 7"

Sem Luan, time do técnico Renato fica menos abastecido e perde muito do seu poder de fogo

Por: Adroaldo Guerra Filho
15/09/2017 - 07h00min | Atualizada em 15/09/2017 - 07h00min
Guerrinha: "A corrida gremista será para recuperar o seu camisa 7" Lucas Uebel / Grêmio, Divulgação/Grêmio, Divulgação
Foto: Lucas Uebel / Grêmio, Divulgação / Grêmio, Divulgação  

É o preço da conta.

Com a ausência de Luan, que prende a atenção dos marcadores e costuma pifar os companheiros, o time do técnico Renato Portaluppi fica menos abastecido e perde muito do seu poder de fogo.

Um dos que mais sofre é o paraguaio Lucas Barrios, que vira peça inofensiva, como se viu contra o Botafogo, quando não teve uma finalização sequer enquanto esteve em campo.

Por isso, a maior corrida nestes dias é recuperar o camisa 7 para o jogo da volta, na Arena. 

PREJUÍZO _ Ainda dá tempo.

Acostumado a marcar gols, decidir jogos pela Ponte Preta, o atacante Pottker segue sacrificado no esquema, e isso explica a falta de gols e a queda de produção ofensiva do Inter.

Contra rivais que mais se defendem do que atacam, melhor seria colocá-lo mais perto de Leandro Damião, para aumentar o poder de fogo e facilitar a vida do Colorado.

PERTINHO _ Falta muito pouco.

Com o empate fora de casa, num jogo em que sofreu a maior parte do tempo, o Santos chega em vantagem para a decisão contra o Barcelona, de Guayaquil.

Se não acontecer nenhuma catástrofe, o Peixe já está nas semifinais da Libertadores.

MANCHETES _ Encheu os olhos.

Quem viu o empate entre Roma e Atlético de Madrid certamente vai lembrar por muito tempo a grande atuação do goleiro Alisson.

Merecidamente, ganhou manchetes nos jornais italianos e acalmou aqueles que querem mudança no time do técnico Tite.

Perguntinha

Alguém sentiu falta do Geromel?


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.