Na mira

Seahawks analisa Kaepernick e Robert Griffin como opções para a reserva de Russell Wilson

Técnico Pete Carroll confirmou que avalia o mercado

16/05/2017 - 10h15min | Atualizada em 16/05/2017 - 10h15min
Seahawks analisa Kaepernick e Robert Griffin como opções para a reserva de Russell Wilson NFL / Divulgação/Divulgação
Kaepernick e Griffin estão sem time na NFL Foto: NFL / Divulgação / Divulgação  

O Seattle Seahawks tem um bom quarterback titular, Russell Wilson. Mas a reserva é uma preocupação para o técnico Pete Carroll. Os outros dois QBs do elenco são Trevone Boykin e Jake Heaps, jogadores que não foram draftados nos últimos anos. Por isso, Colin Kaepernick e Robert Griffin III estão na mira.

— Estamos olhando para todo mundo. Realmente estamos. Temos seguido tudo o que acontece, e temos questões de teto salarial e elenco que estamos tentando gerenciar da forma apropriada. Mas, francamente, sim, estamos olhando para esses caras — revelou Carooll, em entrevista à rádio ESPN americana.

Leia mais:

Tom Brady diz que não é o maior jogador de todos os tempos na NFL
Técnico diz que Cody Kessler inicia pré-temporada como titular do Browns
Colts aposentará número 18 e erguerá estátua em homenagem a Manning

Kaepernick foi draftado na segunda rodada de 2011. Depois de comandar o rival do Seahawks, o San Francisco 49ers, ao Super Bowl 46, o camisa 7 caiu de rendimento. Ano passado, voltou a aparecer bem sob o comando de Chip Kelly, mas acabou optando por sair do contrato — a tendência é que fosse cortado mesmo se exercesse a opção de ficar no time em função dos altos valores.

Ele vive uma das situações mais polêmicas da intertemporada, já que o fato de estar sem contrato é alvo de debates nos Estados Unidos. Durante a temporada passada, Kaepernick se ajoelhava durante o hino americano antes dos jogos como forma de protesto pela violência policial contra negros. A medida foi vista de forma crítica entre dirigentes e comissões técnicas de outros times.

Apesar disso, o gerente geral do Seahawks, John Schneider, teria entrado em contato com o agente de Kaepernick para discutir potenciais bases de um vínculo.

Já Robert Griffin III foi a segunda escolha geral no draft de 2012 — o mesmo em que Wilson foi selecionado na terceira rodada. Depois de ser o novato ofensivo do ano pelo Washington Redskins, RG3 sofreu com lesões no joelho e queda técnica. Cortado pelo Redskins depois da temporada 2015, foi contratado pelo Cleveland Browns, mas novamente teve uma contusão e fez apenas cinco jogos — em um deles, comandou a única vitória do time na temporada.

Kaepernick e Griffin são vistos como bons reservas para Wilson pelo estilo de jogo. Assim como o camisa 3, os dois potenciais reforços têm mobilidade — ainda que precisem ajustar detalhes nos passes.

*ZHESPORTES

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.