Versão mobile

TítuloData
Qual o melhor de 2015?23/12/2015
Editorial diz que bloqueio do WhatsApp puniu mais os usuários do que o infrator. Você concorda?17/12/2015
Você concorda com o editorial que a prioridade do país nesse momento é o combate ao transmissor do zika vírus?10/12/2015
Editorial diz que a imoralidade não está nas instituições, e sim nos políticos que as deformam. Você concorda?03/12/2015
Editorial diz que descrença na política não deve impedir os cidadãos de aperfeiçoá-la. Você concorda?26/11/2015
Editorial diz que Lei do Direito de Resposta constrange a imprensa. Você concorda?19/11/2015
Editorial diz que Petrobras foi vítima do aparelhamento político. Você concorda?12/11/2015
Editorial diz que militares devem subordinar-se aos civis. Você concorda?06/11/2015
Conte como foi o seu primeiro assédio. 30/10/2015
Editorial diz que facilitar a compra e a posse de armas beneficia os criminosos. Você concorda?29/10/2015
Como adaptar o ajuste da energia ao seu bolso?26/10/2015
Editorial diz que Enem abre porta de oportunidade na crise. Você concorda?22/10/2015
Editorial diz que transporte público de má qualidade gera engarrafamentos. Você concorda?15/10/2015
Editorial diz que instituições só funcionam quando os cidadãos fiscalizam. Você concorda?08/10/2015
Editorial diz que os brasileiros têm instrumentos para corrigir as deformações da política. Você concorda?01/10/2015
Editorial diz que só o diálogo ajudará o Estado a sair da crise. Você concorda?24/09/2015
Editorial diz que mau governo e impopularidade não são motivos para impeachment. Você concorda?17/09/2015
Editorial defende o fim das doações de empresas para campanhas eleitorais. O que você acha?10/09/2015
Editorial diz que controle de gastos é exigência para governos e para cidadãos. Você concorda?03/09/2015
Editorial diz que descrença na política deve-se à falta de boas lideranças. Você concorda?27/08/2015
Total de 4 páginas
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.