Versão mobile

Aos 84 anos, morre o escultor Érico Gobbi

Artista teve parada cardiorrespiratória enquanto almoçava em Rio Grande

Por: Fernando Halal, Rio Grande
14/08/2009 - 23h18min
Aos 84 anos, morre o escultor Érico Gobbi  Eduardo Beleske, Especial, Banco de Dados - 13/9/2007     /
Autor de aproximadamente cem esculturas, Gobbi era reconhecido internacionalmente Foto: Eduardo Beleske, Especial, Banco de Dados - 13/9/2007  
Rio Grande perdeu um dos seus maiores artistas. O escultor clássico acadêmico Érico Gobbi morreu nesta sexta-feira, aos 84 anos. Ele almoçava no Mercado Público quando teve uma parada cardiorrespiratória. Entre suas obras mais conhecidas está o monumento dedicado a Iemanjá, no balneário Cassino.

Autor de aproximadamente cem esculturas, o artista era reconhecido internacionalmente. Foi agraciado com prêmios nos Estados Unidos, na Europa e na Ásia. Gobbi era uma figura folclórica do município. O terno escuro, o chapéu e o bigode curto conservado do mesmo jeito havia anos eram suas marcas registradas. Seu talento para as artes, no entanto, era o que falava mais alto.

Há monumentos seus espalhados em Caxias do Sul, Porto Alegre, Curitiba, São Paulo. Nos EUA, há uma imagem de Nossa Senhora das Graças.

Uma das suas obras mais grandiosas é um monumento de Rafael Pinto Bandeira, herói na retomada do município do domínio espanhol em 1776. A estátua do combatente sobre um cavalo tem quase três metros de altura e pesa duas toneladas. Construída em 1975, não foi fundida em bronze por falta de patrocínio e se encontra na oficina do escultor.

Seu maior orgulho, e também o que lhe deu mais visibilidade, foi a Estátua de Iemanjá. Seus imponentes 2m10cm de altura, com duas toneladas, se tornaram um ponto de referência para os umbandistas do Estado.

O velório e o sepultamento serão no sábado, no Cemitério Protestante, em Rio Grande. O túmulo foi construído pelo próprio Gobbi. Ele deixa a esposa Ayda da Silva Gobbi, dois filhos e dois netos.
 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.