Versão mobile

Pesquisa revela que falar vários idiomas ajuda a ter boa memória

Quem fala três idiomas tem o triplo de chance de ser menos propenso a ter problemas cognitivos em comparação àqueles que são bilíngues

23/03/2011 - 06h12min
Pesquisa revela que falar vários idiomas ajuda a ter boa memória Jefferson Botega/Agência RBS
Pessoas que têm domínio de até dois idiomas são quatro vezes menos propensas a ter qualquer prejuízo em sua cognição Foto: Jefferson Botega / Agência RBS  
Um estudo realizado pelo Centro de Pesquisa em Saúde (Centre de Recherche Public de la Santé - CRP), de Luxemburgo, revelou que ter conhecimento sobre outros idiomas é bom para a memória.

Foram entrevistados 230 pessoas, entre homens e mulheres, com idade média de 73 anos, que falavam entre dois e sete idiomas. Dos participantes, somente 44 indicaram problemas cognitivos, o restante não tinha qualquer reclamação com relação à memória.

Para Débora Amador Queiroz, tutora do Portal Educação, a pesquisa é um incentivo ao aprendizado de novos idiomas.

— Quem nunca teve um branco na memória? Com o tempo, isso vai acontecendo com mais frequência, e as possibilidades de esquecermos fatos importantes no nosso futuro são gigantescas. O resultado é mais uma vantagem e de "hablar español" e "learn a good english" — defende.

Além disso, segundo a pesquisa, quem fala três idiomas tem o triplo de chance de ser menos propenso a ter problemas cognitivos em comparação àquelas que são bilíngues.
Pessoas que têm domínio de até dois idiomas são quatro vezes menos propensas a ter qualquer prejuízo em sua cognição.
 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.