Versão mobile

Não há milagre

Hábitos saudáveis são imprescindíveis no combate à gordura localizada

Sem eles, soluções sofisticadas como a lipocavitação podem aumentar colesterol

07/08/2012 | 18h00
Hábitos saudáveis são imprescindíveis no combate à gordura localizada Andréa Graiz/Agencia RBS
Foto: Andréa Graiz / Agencia RBS

Avanços tecnológicos e técnicas mais apuradas têm tornado o combate à gordura localizada cada vez mais simples e acessível. Mas alimentação saudável e atividade física seguem sendo obrigatórias mesmo para quem recorre a soluções sofisticadas e inovadoras como a lipocavitação — um tratamento em que ondas de ultrassom quebram as células de gordura em ácidos graxos e triglicérides.

De acordo com a dermatologista Pietra Martini, da Clínica Priméra, de Campinas (SP), quem passa por procedimentos clínicos mas não se exercita ou cuida da alimentação corre o risco de aumento de colesterol e depósito de gordura em outras partes do corpo, como o fígado.

— Não tem milagre. A única forma de eliminar essa gordura é através de dieta e exercícios, mesmo que seja dar uma volta com o cachorro — afirma Pietra.

Segundo ela, a lipocavitação traz melhores resultados quando combinada com drenagem linfática e massagem modeladora. A drenagem estimula a circulação sanguínea e linfática, facilitando a eliminação da gordura que fica em circulação, enquanto a massagem modeladora favorece a redefinição da nova silhueta.

Ela alerta, também, que a técnica deve ser evitada por grávidas, por quem usa DIU dispositivo intrauterino (DIU) de cobre ou órteses e próteses de metal, por quem tem diabetes, hipertensão, colesterol alto, doenças cardíacas, epilepsia e problemas circulatórios, como varizes.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.