Versão mobile

Acidente com duas mortes

"Ele ainda está em estado de choque", afirma mãe do motorista que sofreu grave acidente na SC-401

Cristian continua internado no hospital Governador Celso Ramos e pode ter sofrido lesão na coluna vertebral

Atualizada em 16/02/2014 | 22h4016/02/2014 | 14h11
"Ele ainda está em estado de choque", afirma mãe do motorista que sofreu grave acidente na SC-401  Guto Kuerten/Agência RBS
Com o choque, guardrail chegou a atravessar o veículo Foto: Guto Kuerten / Agência RBS

O marceneiro Cristian Gonçalves Mendes, continua internado no hospital Governador Celso Ramos. A mãe do rapaz, Margaretti Gonçalves Mendes conta que ainda faltam alguns exames, mas ele pode ter sofrido alguma lesão na coluna vertebral. Cristian dirigia o Celta que seguia na Avenida da Saudade (SC-401), no sentido Norte da Ilha-Centro, quando chocou, após uma curva, contra o guardrail na lateral direita da pista, embaixo do elevado do Itacorubi. Com o choque, a proteção metálica chegou a atravessar o veículo e as passageiras Mari Tatiane Ruffer de Oliveira, 32 anos, e Camila Barbosa, 17, morreram na hora.

Ela diz que o filho saiu com a namorada, Mari Tatiane Ruffer de Oliveira, de 32 anos, que trabalhava como frentista em um posto de gasolina, e com outro casal, Diogo Porto Camargo e Camila Barbosa Weiss. Eles teriam ido a uma festa, porém ela não soube informar o local. 

— Eles namoravam há um ano e quatro meses. Sempre saíam juntos. Cristian era muito tranquilo e trabalhador — afirma Margaretti, que trabalha como ambulante.

A mãe do rapaz afirma que não há previsão de alta.

— Ele ainda está em estado de choque, nem cheguei a ver ele ainda. Mas ele sabe da morte da Tati (namorada dele).   

O acidente ocorreu por volta de 7h20min deste sábado. O veículo seguia na Avenida da Saudade (SC-401), no sentido Norte da Ilha-Centro, quando se chocou, após uma curva, contra o guardrail na lateral direita da pista, embaixo do elevado do Itacorubi. Com o choque, a proteção metálica atravessou o Celta.


Estrutura metálica atravessou o veículo.
Foto: Guto Kuerten / Agência RBS

 
A Polícia Militar Rodoviária ainda não sabe afirmar a causa do acidente, mas tem duas suspeitas: excesso de velocidade ou que o condutor tenha dormido ao volante. Segundo os policiais, desde o início de janeiro, quatro pessoas morreram na SC-401.

Notícias Relacionadas

Acidente com duas mortes 15/02/2014 | 21h16

Carona de veículo que bateu contra guard rail na SC-401 deixa hospital com fratura no braço

Condutor do carro continua internado no hospital Governador Celso Ramos, na Capital

Batida frontal 15/02/2014 | 08h10

Duas pessoas morrem em acidente na SC-401, em Florianópolis

Acidente ocorreu por volta das 7h20min, embaixo do Elevado do Itacorubi

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.