Versão mobile

Rio 2016

Prefeito do Rio defende preparação para Olimpíadas e alfineta Fifa

Eduardo Paes garante que obras serão entregues no prazo, mesmo não sendo "costume dos brasileiros"

04/08/2014 | 11h07
Prefeito do Rio defende preparação para Olimpíadas e alfineta Fifa J.P.Engelbrecht/Prefeitura Rio
Foto: J.P.Engelbrecht / Prefeitura Rio

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, passou os últimos meses que antecederam a Copa do Mundo evitando fazer críticas à Fifa, mas, na manhã desta segunda-feira, voltou a alfinetar a entidade máxima do futebol ao comentar a preparação da capital fluminense para os Jogos Olímpicos de 2016. Paes assegurou ainda que todas as obras visando a Olimpíada serão entregues no prazo, mesmo que isso "não seja exatamente uma característica dos brasileiros".

.: Comitê Rio-2016 garante que Baía de Guanabara estará segura para atletas

As declarações do prefeito foram dadas durante discurso na sede do Comitê Rio 2016, que até quarta-feira sedia o Encontro Nacional de Mídia, que reúne jornalistas de todo o País com o intuito de apresentar um panorama da preparação do Rio para os Jogos de 2016, que acontecem em agosto de 2016.

Paes não chegou a fazer uma crítica direta à Fifa, mas deixou transparecer que considera mais fácil trabalhar com o Comitê Olímpico Internacional (COI) do que com a entidade que comanda o futebol.

— Os Jogos Olímpicos há muito tempo deixaram de ser apenas um evento esportivo — disse o prefeito, citando trecho constante no site do COI — O COI, muito mais do que a Fifa - eu jurei que não iria fazer essa comparação - tem essa percepção.

Em discurso de pouco mais de 25 minutos, Paes defendeu a atuação de sua administração na organização da Olimpíada. Segundo ele, "este será um exemplo de Jogos na economia de recursos públicos" já que mais da metade dos R$ 37,6 bilhões já orçados vêm da iniciativa privada.

O prefeito garantiu ainda que todas as instalações serão entregues dentro do prazo.

— Não é exatamente uma característica dos brasileiros fazer as coisas no prazo, mas isso é um legado intangível que nós vamos aprender. Nenhuma cidade se transformará tanto quanto o Rio de Janeiro.

Notícias Relacionadas

Olimpíadas 03/08/2014 | 15h28

Comitê Rio 2016 garante que Baía de Guanabara estará segura para os atletas

Entidade diz ter feito testes na água e que não há risco para a saúde. Evento-teste começa neste domingo

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.