Sem prazo

STF adia o julgamento de planos econômicos

Advocacia Geral da União e Banco Central pedem suspensão do julgamento

24/02/2014 | 18h26

O Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou nesta segunda-feira o adiamento do julgamento da correção dos planos econômicos. Na pauta da sessão do plenário desta semana, os ministros vão apreciar os 11 recursos apresentados por condenados a fim de reverter condenações no processo do mensalão.

A Corte ainda não decidiu sobre o pedido apresentado na sexta-feira pela Advocacia Geral da União (AGU) e pelo Banco Central de suspender o julgamento da matéria em razão da apresentação, no dia 18, de pareceres econômicos pela Confederação Nacional do Sistema Financeiro (Consif). Não há data prevista para a retomada do julgamento dos planos econômicos ou mesmo para a decisão sobre o pedido apresentado pela AGU e pelo BC.

VEJA TAMBÉM

     
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.