Banco Central

Mercado reduz projeções para a inflação em 2017 e 2018

Relatório Focus voltou a cortar as estimativas de crescimento da atividade econômica do país 

Por: Zero Hora
19/06/2017 - 09h16min | Atualizada em 19/06/2017 - 09h27min
Mercado reduz projeções para a inflação em 2017 e 2018 Ronald Mendes/Agencia RBS
Foto: Ronald Mendes / Agencia RBS  

Economistas e instituições consultados pelo relatório Focus voltaram a reduzir as projeções para a inflação em 2017 e 2018. Conforme os números divulgados nesta segunda-feira (19) pelo Banco Central (BC), a expectativa é de que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) encerre este ano em 3,64% contra 3,71% do cenário anterior.

Para o próximo ano, a projeção é de que a inflação chegue a 4,33%. Na semana passada, o IPCA era estimado em 4,37% para o fim de 2018. 

Leia mais
Prévia do PIB tem alta de 0,28% em abril, diz Banco Central
Embarque de carne suína cai 24,9% em maio
Correios projetam prejuízo de R$ 1,3 bilhão para 2017

Enquanto diminuiu as previsões para a inflação, o mercado voltou a piorar a expectativa em relação à atividade econômica do Brasil. Agora, a projeção é de que o Produto Interno Bruto (PIB) cresça 0,4% em 2017 — há uma semana, a estimativa era de crescimento de 0,41%.

O mercado também cortou de 2,3% para 2,2% a projeção de crescimento da economia brasileira em 2018. 

Selic

As projeções para a taxa básica de juro foram mantidas em 8,5% ao ano (a.a.) em 2017 e 2018. É a mesma previsão apresentada há quatro semanas pelo mercado.

Dólar

O mercado manteve a estimativa de R$ 3,30 para a cotação do dólar em 2017. É a mesma projeção apresentada nas últimas duas semanas. 

Para 2018, a moeda norte-americana tem cotação prevista em R$ 3,40. Também é o mesmo valor projetado nas duas semanas anteriores pelo relatório Focus.

Leia mais notícias de Economia

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.