Eleições 2014

Dilma sobe para 38%, segundo o Datafolha, enquanto Aécio vai a 20% e Campos, 9%

Pesquisa feita no começo deste mês tem margem de erro de dois pontos percentuais, para mais ou para menos

03/07/2014 | 00h42

As intenções de voto na presidente Dilma Rousseff nas eleições para presidente subiram de 34% para 38% no período de junho para julho, de acordo com pesquisa realizada pela Datafolha e divulgada no site do jornal Folha de S. Paulo na noite desta quarta-feira.

O senador Aécio Neves, candidato do PSDB, teve variação de 19% para 20% e o ex-governador Eduardo Campos, candidato do PSB, oscilou de 7% para 9%. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais, para cima ou para menos, e foi feita entre os dias 1º e 2 deste mês em 177 municípios, com consulta a 2.857 eleitores. O levantamento anterior foi realizado entre os dias 3 e 5 de junho.

O percentual de entrevistados que disseram votar no candidato do PSC, Pastor Everaldo, foi de 4%, mesmo patamar da pesquisa de junho. As intenções de voto em José Maria de Almeida, do PSTU, oscilaram de 1% para 2%. Eduardo Jorge (PV), Mauro Iasi (PCB) e Luciana Genro (PSOL) obtiveram 1%.

Brancos e nulos eram 17% e passaram para 13%. Eleitores que disseram que não sabem em quem votar para presidente foram 11% — na pesquisa anterior, eram 17%.

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.